Porto Alegre, terça-feira, 05 de maio de 2020.
Dia Nacional das Comunicações.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
terça-feira, 05 de maio de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Comércio exterior

Alterada em 05/05 às 12h49min

EUA e Reino Unido iniciam formalmente negociações de acordo comercial

Negociadores dos EUA e do Reino Unido devem se encontrar virtualmente já nesta tarde

Negociadores dos EUA e do Reino Unido devem se encontrar virtualmente já nesta tarde


BEN SHREAD/NUMBER 10/DIVULGAÇÃO/JC
Os Estados Unidos e o Reino Unido anunciaram nesta terça-feira (5) o início formal das negociações para um acordo comercial entre as partes, após a saída britânica da União Europeia, no processo conhecido como Brexit. De acordo com a nota conjunta emitida pelos países, negociadores vão se reunir virtualmente, em quase trinta grupos diferentes, nas próximas duas semanas, com um primeiro encontro já nesta tarde.
Os Estados Unidos e o Reino Unido anunciaram nesta terça-feira (5) o início formal das negociações para um acordo comercial entre as partes, após a saída britânica da União Europeia, no processo conhecido como Brexit. De acordo com a nota conjunta emitida pelos países, negociadores vão se reunir virtualmente, em quase trinta grupos diferentes, nas próximas duas semanas, com um primeiro encontro já nesta tarde.
"Os EUA são nosso maior parceiro comercial e o aumento do comércio transatlântico pode ajudar nossas economias a se recuperarem do desafio econômico imposto pelo coronavírus", afirma a secretária de comércio internacional do Reino Unido, Liz Truss. "Os EUA negociarão um acordo comercial ambicioso e de alto padrão com o Reino Unido, que fortalecerá nossas economias, apoiará empregos bem remunerados e melhorará substancialmente as oportunidades de comércio e investimento entre nossos dois países. Este será um acordo histórico", completou o representante comercial da parte americana, Robert Lighthizer.
Hoje, o comércio entre os EUA e o Reino Unido movimenta 230 bilhões de libras por ano, ou US$ 286,37 bilhões.
Comentários