Porto Alegre, quarta-feira, 25 de março de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre, quarta-feira, 25 de março de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Cuba

Notícia da edição impressa de 25/03/2020. Alterada em 24/03 às 20h32min

Coronavírus: Cuba proíbe moradores de deixarem o país e isola 32 mil turistas dentro dos hotéis

País tem, até agora, 40 casos confirmados e uma morte, de acordo com os dados da Universidade John Hopkins

País tem, até agora, 40 casos confirmados e uma morte, de acordo com os dados da Universidade John Hopkins


YAMIL LAGE/AFP/JC
O governo de Cuba proibiu, na segunda-feira (23), seus cidadãos de deixarem o país, em mais uma medida para tentar conter a disseminação de coronavírus na ilha. Haverá exceção apenas para quem precisar viajar por "razões humanitárias", disse o número dois do regime, Manuel Marrero.
O governo de Cuba proibiu, na segunda-feira (23), seus cidadãos de deixarem o país, em mais uma medida para tentar conter a disseminação de coronavírus na ilha. Haverá exceção apenas para quem precisar viajar por "razões humanitárias", disse o número dois do regime, Manuel Marrero.
Os cubanos também não poderão se locomover pelas diferentes províncias sem autorização do governo. Ele anunciou, também, que todos os 32 mil turistas atualmente no país devem ficar em isolamento e, desde esta terça-feira (24), estão proibidos de deixarem seus hotéis. Além disso, todas as escolas do país vão fechar até 20 de abril. O país tem, até agora, 40 casos confirmados e uma morte, de acordo com os dados da Universidade John Hopkins.