Porto Alegre, quarta-feira, 11 de março de 2020.

Jornal do Comércio

Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Saúde

Alterada em 11/03 às 17h22min

Coronavírus avança na Europa; Espanha tem mais de 2 mil infectados

Segundo país da Europa com o maior número de infectados, a Espanha reportou mais 552 casos nesta quarta-feira

Segundo país da Europa com o maior número de infectados, a Espanha reportou mais 552 casos nesta quarta-feira


CRISTINA QUICLER/AFP/JC
No dia que a Organização Mundial da Saúde (OMS) classificou o surto do novo coronavírus como pandemia, a Covid-19 avançou em diversos países do continente europeu. Segundo país da Europa com o maior número de infectados, a Espanha reportou mais 552 casos nesta quarta-feira (11), elevando o total a 2.174, com 49 mortes. Na Itália, país que decretou quarentena em todo o seu território, já são 10.149 com o vírus, com pelo menos 631 mortes.
No dia que a Organização Mundial da Saúde (OMS) classificou o surto do novo coronavírus como pandemia, a Covid-19 avançou em diversos países do continente europeu. Segundo país da Europa com o maior número de infectados, a Espanha reportou mais 552 casos nesta quarta-feira (11), elevando o total a 2.174, com 49 mortes. Na Itália, país que decretou quarentena em todo o seu território, já são 10.149 com o vírus, com pelo menos 631 mortes.
Além de Itália e Espanha, França e Alemanha completam o grupo de países europeus que ultrapassaram a marca de mil infectados, com 1.784 e 1.629, respectivamente, de acordo com dados compilados pela Universidade Johns Hopkins. A chanceler alemã, Angela Merkel, afirmou ontem que, segundo especialistas, entre 60% a 70% da população mundial será infectada pelo coronavírus.
Outros países da zona do euro também registraram aumento no número de casos. Na Holanda são 121 novos infectados, em um total de 503 casos, enquanto a Bélgica teve suas três primeiras mortes confirmadas, com 382 casos.
No Reino Unido, o número de infectados saltou de 83 para 456, o maior aumento registrado em 24 horas. O governo britânico confirmou, também, a oitava morte causada pelo vírus.