Porto Alegre, terça-feira, 10 de março de 2020.
Dia do Telefone.

Jornal do Comércio

Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Estado Unidos

Alterada em 10/03 às 18h38min

Biden tem 99% de chance de vencer prévias de Michigan e Missouri, diz pesquisa

Biden tem 93% de chance de liderar na Dakota do Norte, 81% em Idaho e 60% em Washington

Biden tem 93% de chance de liderar na Dakota do Norte, 81% em Idaho e 60% em Washington


JIM WTSON/AFP/JC
O site de análise de pesquisas de opinião FiveThirtyEight projeta que o ex-vice-presidente dos Estados Unidos Joe Biden tem 99% de chance de vencer as prévias do Partido Democrata em Michigan, Missouri e Mississipi. Os três estados, que votam nesta terça-feira (10), possuem 125, 68 e 36 delegados, respectivamente.
O site de análise de pesquisas de opinião FiveThirtyEight projeta que o ex-vice-presidente dos Estados Unidos Joe Biden tem 99% de chance de vencer as prévias do Partido Democrata em Michigan, Missouri e Mississipi. Os três estados, que votam nesta terça-feira (10), possuem 125, 68 e 36 delegados, respectivamente.
Para outros estados que realizas prévias hoje, o FiveThirtyEight estima 93% de chance de Biden liderar na Dakota do Norte, 81% em Idaho e 60% em Washington. Os três estados possuem 14, 20 e 89 delegados em disputa, respectivamente.
Biden é um "forte favorito" para vencer em quatro dos seis estados, incluindo os três com os maiores números de delegados, destaca o FiveThirtyEight. O site afirma, porém, que há "muito espaço" para vitórias de virada do adversário direto de Biden na disputa, o senador Bernie Sanders.
Sanders, segundo as projeções, tem 40% de chance de vencer em Washington, 19% de ficar em primeiro lugar em Idaho e 7% de possibilidade de liderar na Dakota do Norte.