Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 10 de abril de 2019.
Dia da Engenharia.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Israel

10/04/2019 - 13h37min. Alterada em 10/04 às 13h37min

Netanyahu obtém vitória nas eleições em Israel

Vitória de Netanyahu o coloca como um recordista no cargo, ocupando-o pela quinta vez

Vitória de Netanyahu o coloca como um recordista no cargo, ocupando-o pela quinta vez


THOMAS COEX/AFP/JC
Agência Brasil
Com mais de 99% dos 4 milhões de votos apurados em Israel, o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, obteve a vitória com 26,27%, enquanto em segundo lugar ficou o general Benny Gantz, ex-ministro da Defesa, que conquistou 25,95%. Nestas releições, 64,6% dos 6,3 milhões de eleitores participaram.
A vitória de Netanyahu o coloca como um recordista no cargo, ocupando-o pela quinta vez. A conquista se deve à coalizão dos partidos religiosos e conservadores com o Likud (partido político de Israel, que congrega o centro-direita e a direita conservadora). "Agradeço aos cidadãos de Israel por sua confiança", disse nas redes sociais.
O principal opositor do Partido Azul e Branco (cores da bandeira de Israel), de centro, liderado por Gantz, também se considera vitorioso devido à pequena margem de diferença entre ambos.
Os eleitores foram às urnas para escolher os parlamentares do Knesset (Parlamento), que tem 120 lugares.
Nos últimos dias da campanha, Netanyahu se comprometeu a anexar partes da Faixa de Gaza ocupada. A iniciativa encerra a perspectiva de paz com os palestinos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia