Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 25 de março de 2019.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

Conjuntura Internacional

25/03/2019 - 09h30min. Alterada em 25/03 às 09h30min

May tem reunião de emergência com gabinete e fará pronunciamento nesta segunda-feira

Primeira-ministra busca conquistar apoio para seu acordo para a retirada do país da União Europeia

Primeira-ministra busca conquistar apoio para seu acordo para a retirada do país da União Europeia


PRU/AFP/JC
Estadão Conteúdo
A primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, realiza nesta segunda-feira (25) uma reunião de emergência de seu gabinete, num momento em que sofre forte pressão para renunciar como forma de superar o impasse em torno do Brexit e conquistar apoio para seu acordo para a retirada do país da União Europeia.
Na semana passada, May obteve da UE mais tempo para a implementação do Brexit, que estava programado para o próximo esta sexta-feira (29). Se May conseguir aprovar o acordo de Brexit no Parlamento britânico, o adiamento do divórcio será até 22 de maio. Em caso de derrota, a prorrogação será até 12 de abril. Desce o começo do ano, os legisladores já rejeitaram duas propostas de acordo.
O jornal com maior circulação do Reino Unido, o The Sun, contribuiu para a pressão com uma manchete de capa que apela para que May renuncie. "Seu tempo acabou, Theresa", diz a manchete. May fará um pronunciamento no Parlamento nesta segunda-feira, a partir das 12h30min (de Brasília). 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia