Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 19 de fevereiro de 2019.
Dia do Esportista.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

relações internacionais

Alterada em 19/02 às 22h39min

Venezuela bloqueia entrada de ajuda humanitária que venha de ilhas no Caribe

Estadão Conteúdo
O diretor de Proteção Civil do Estado de Falcon, na Venezuela, Gregorio José Montano, disse nesta terça-feira que o governo de Nicolás Maduro proibiu viagens marítimas de e para três ilhas caribenhas holandesas, região que tem sido associada a esforços para pressionar o presidente venezuelano, enviando ajuda humanitária ao país. Montando afirmou que a paralisação indefinida da "fronteira marítima" afetará Curaçao, Aruba e Bonaire.
A proibição vem à medida que o líder da oposição, Juan Guaidó, reúne apoio internacional contra Maduro. Guaidó, que se autointitulou presidente interino da Venezuela, pediu ajuda internacional para o país. Maduro, contudo, prometeu bloquear a ajuda e disse que o ato faz parte de um golpe promovido pelos Estados Unidos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia