Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, domingo, 13 de janeiro de 2019.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

relações internacionais

13/01/2019 - 17h07min. Alterada em 13/01 às 17h09min

Premiê italiano diz que Battisti irá diretamente da Bolívia para a Itália

Battisti estava foragido do Brasil e foi preso pela Interpol em Santa Cruz de La Sierra

Battisti estava foragido do Brasil e foi preso pela Interpol em Santa Cruz de La Sierra


ITALIAN STATE POLICE/AFP/JC
Estadão Conteúdo
O premiê italiano, Giuseppe Conte, afirmou em sua página do Facebook que Cesare Battisti irá diretamente da Bolívia para a Itália "nas próximas horas".
Conte afirmou também que ligou para o presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, e agradeceu pela parceria que levou à captura. Ele agradeceu também as autoridades bolivianas envolvidas na prisão.
Mais cedo, o ministro-chefe do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), general Augusto Heleno, havia afirmado que Battisti seria extraditado à Itália pelo Brasil, e que viria primeiro ao País em um avião da Polícia Federal.
A Itália já havia informado que também tinha mandado um avião para buscar Battisti na Bolívia. Ele estava foragido do Brasil e foi preso pela Interpol em Santa Cruz de La Sierra, cidade boliviana.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia