Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 17 de outubro de 2018.

Jornal do Comércio

Internacional

CORRIGIR
17/10/2018 - 01h00min. Alterada em 17/10 às 01h00min

Vice-premiê defende orçamento italiano

O vice-premiê da Itália, Matteo Salvini, afirmou que as autoridades da União Europeia terão de aceitar a proposta orçamentária do país. Ele se referiu ao presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker. "O orçamento italiano foi aprovado. Goste ele ou não, e beba um pouco de café", ironizou, segundo a agência Ansa. Salvini respondeu a uma declaração de Juncker de que os parceiros da zona do euro devem ficar irritados, caso a Itália eleve o déficit a 2,4% do PIB no próximo ano fiscal.

CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia