Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 24 de julho de 2018.

Jornal do Comércio

Internacional

COMENTAR | CORRIGIR

laos

Alterada em 24/07 às 09h27min

Represa se rompe e deixa centenas de desaparecidos no Laos

Ao menos 6.000 pessoas perderam suas casas com a inundação

Ao menos 6.000 pessoas perderam suas casas com a inundação


ABC Laos/AFP/JC
Folhapress
Uma represa que alimenta uma usina hidrelétrica se rompeu em Attapu, no sul do Laos, na manhã desta terça-feira (24) e deixou centenas de desaparecidos.
Segundo a agência de notícias estatal, centenas de pessoas estão desaparecidas e "muitas vidas foram perdidas". Ao menos 6.000 pessoas perderam suas casas com a inundação.
A região de Attapufica na fronteira de Laos com o Vietnã e o Camboja, no sudeste asiático.
A represa Xepian-Xe Nam Noyfoi construída em uma parceria deempresas da Coreia do Sulcomapoio de companhias doLaos e da Tailândia. Eladeveria começar a funcionar neste ano.
Ainda não se sabe a causa do seu rompimento.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia