Porto Alegre, segunda-feira, 19 de abril de 2021.
Dia Nacional do Índio. Dia do Diplomata.
Porto Alegre,
segunda-feira, 19 de abril de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Saúde

- Publicada em 15h43min, 19/04/2021. Atualizada em 16h05min, 19/04/2021.

Hospital de Porto Alegre abre mais 60 leitos clínicos para pandemia

Em maio, mais 20 vagas vão abrir em uma nova UTI; o hospital só atende pacientes do SUS

Em maio, mais 20 vagas vão abrir em uma nova UTI; o hospital só atende pacientes do SUS


PATRICIA COMUNELLO/ESPECIAL/JC
Patrícia Comunello
Mesmo com a queda nas internações por Covid-19 nas duas últimas semanas, efeito das restrições mais duras da bandeira preta adotadas entre fim de fevereiro e março, a Associação Hospitalar Vila Nova (AHVN) manteve o plano de abertura de 60 leitos clínicos para casos da pandemia. Outras 20 vagas vão abrir em maio na nova UTI.
Mesmo com a queda nas internações por Covid-19 nas duas últimas semanas, efeito das restrições mais duras da bandeira preta adotadas entre fim de fevereiro e março, a Associação Hospitalar Vila Nova (AHVN) manteve o plano de abertura de 60 leitos clínicos para casos da pandemia. Outras 20 vagas vão abrir em maio na nova UTI.
Com a expansão, a AHVN chegará a 572 leitos em toda a sua estrutura, situada no bairro Vila Nova, na Zona Sul da Capital. O Rio Grande do Sul ainda está em bandeira preta, pela oitava semana seguida. 
As obras estavam em andamento e foram concluídas em dois meses em um dos anexos. Na área, já funciona uma UTI com 20 vagas, que elevará a 76 a oferta total - hoje são 56 -, crescimento de 36% na estrutura para receber pacientes críticos. O Vila foi o segundo que atendeu mais casos na área em março e começo de abril. O agravamento da pandemia provocou sobrecarga, com unidades atendendo uito acima de 100%.  
As novas instalações ocupam dois andares do bloco novo da instituição. O Vila, como é mais conhecido, é a instituição que mais recebe a demanda de casos clínicos do SUS. Recebeu 44% dos casos em março, auge de atendimentos desde a ecolsão da crise sanitária em março de 2020.
O hospital só atende pelo sistema público. 
Em fim de março, o Jornal do Comércio percorreu as áreas do Vila para registrar como é o fluxo de atendimento, impactos da pandemia e a reação das equipes de saúde de familiares.    
A estreia das vagas será nesta terça-feira (20). A novidade é que os leitos estarão em quartos com até duas unidades, que vai gerar maior privacidade, segundo o presidente da AHVN, Dirceu Dal'Molin. Hoje a instituição soma 492 leitos, 341 deles abertos nos últimos três anos. 
O hospital conta, atualmente, com quatro UTIs compostas por 56 vagas para tratamento de pacientes acometidos pelo coronavírus e é o segundo maior em internações deste tipo na Capital.
Com a imunização, houve queda de óbitos de idosos por Covid
Comentários CORRIGIR TEXTO
Conteúdo Publicitário