Porto Alegre, sábado, 20 de fevereiro de 2021.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sábado, 20 de fevereiro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

serviços

- Publicada em 19h41min, 20/02/2021. Atualizada em 19h54min, 20/02/2021.

IGP suspende encaminhamento de carteiras de identidade até 1º de março em Porto Alegre

Departamento de Identificação irá se adequar aos protocolos exigidos pela bandeira preta

Departamento de Identificação irá se adequar aos protocolos exigidos pela bandeira preta


CLAITON DORNELLES /JC
O Departamento de Identificação do IGP em Porto Alegre (Av. Azenha, 255) informou que está suspendendo o encaminhamento de carteiras de identidade entre os dias 22 de fevereiro e 1º de março, em razão da classificação da região de Porto Alegre na bandeira preta do distanciamento controlado. Em nota, o IGP informa que quem tinha horário marcado para estes dias terá o agendamento cancelado automaticamente.
O Departamento de Identificação do IGP em Porto Alegre (Av. Azenha, 255) informou que está suspendendo o encaminhamento de carteiras de identidade entre os dias 22 de fevereiro e 1º de março, em razão da classificação da região de Porto Alegre na bandeira preta do distanciamento controlado. Em nota, o IGP informa que quem tinha horário marcado para estes dias terá o agendamento cancelado automaticamente.
A medida segue a duração das restrições publicado neste sábado (20) pelo governo do RS, restringindo atividades entre 22h e 5h em todo o território gaúcho. Durante este período, o Departamento de Identificação informa que irá adequar-se aos protocolos exigidos pela bandeira preta, como a redução da quantidade de estações de trabalho e o aumento do tempo entre os atendimentos. Dessa forma, o número de horários disponíveis será menor e destinado apenas para casos de urgência.
O agendamento eletrônico pelos sites www.igp.rs.gov.br e www.rs.gov.br será reaberto na segunda-feira (22), a partir das 20 horas. Ainda assim, a diretora do Departamento de Identificação do IGP, Katia Reolon Bittencourt, apela para que apenas os casos emergenciais (veja abaixo) procurem a remarcação.
São considerados casos emergenciais:
  • Retirar medicamentos em farmácias
  • Viagens agendadas com urgência
  • Cirurgias de urgência
  • Retirada de auxílio emergencial
  • Financiamento imobiliário
  • Casos em que todos os documentos tenham sido furtados ou roubados
  • Admissão em emprego
Comentários CORRIGIR TEXTO