Porto Alegre, domingo, 31 de janeiro de 2021.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
domingo, 31 de janeiro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Segurança

- Publicada em 14h27min, 31/01/2021.

Guarda municipal dispersa aglomerações em três bairros de Porto Alegre

Também foram desfeitas três festas clandestinas no 4º Distrito e nos bairros Santo Antônio e São Geraldo na madrugada de sábado para domingo

Também foram desfeitas três festas clandestinas no 4º Distrito e nos bairros Santo Antônio e São Geraldo na madrugada de sábado para domingo


PMPA/Divulgação/JC
Na madrugada deste domingo (31) a Guarda Municipal, em ação conjunta com a Brigada Militar e fiscais da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), desfez aglomerações em Porto Alegre. As acões ocorreram na rua Padre Chagas, no bairro Moinhos de Vento; na rua Fernando Machado e na Ponte de Pedra, ambas Centro Histórico; e nas ruas da República e José do Patrocínio, no bairro Cidade Baixa.
Na madrugada deste domingo (31) a Guarda Municipal, em ação conjunta com a Brigada Militar e fiscais da Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC), desfez aglomerações em Porto Alegre. As acões ocorreram na rua Padre Chagas, no bairro Moinhos de Vento; na rua Fernando Machado e na Ponte de Pedra, ambas Centro Histórico; e nas ruas da República e José do Patrocínio, no bairro Cidade Baixa.
Nos locais, grupos de pessoas não respeitavam a regra de distanciamento social e muitas não usavam máscaras de proteção à Covid-19. Os guardas municipais deram orientação pedagógica e reforçaram a necessidade do uso de máscara como fator de proteção ao coronavírus.
Também foram desfeitas três festas clandestinas: em uma casa de shows na rua Voluntários da Pátria, no 4º Distrito (170 pessoas); em um bar na rua Caldre Fião, bairro Santo Antônio (200 pessoas); e no pátio de uma residência na avenida Berlim, bairro São Geraldo, (400 pessoas). Nos locais havia muitas pessoas sem usar máscaras de proteção e desrespeitando os protocolos da Covid-19 de distanciamento social.
As denúncias podem ser feitas pelo 156 ou 153.
Comentários CORRIGIR TEXTO