Porto Alegre, quinta-feira, 12 de novembro de 2020.
Dia do Supermercado. Dia Internacional da Qualidade.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 12 de novembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Coronavírus

- Publicada em 18h36min, 12/11/2020.

Prefeitura de Porto Alegre muda critérios para testagem de trabalhadores

Teste só podia ser realizado se pessoa com suspeita de Covid-19 tivesse tido contato direto com o colega infectado

Teste só podia ser realizado se pessoa com suspeita de Covid-19 tivesse tido contato direto com o colega infectado


JORGE GUERRERO/AFP/JC
Depois de ter causado uma série de dúvidas nos porto-alegrenses que tiveram contato com pessoas positivas para a Covid-19 no ambiente de trabalho, a prefeitura de Porto Alegre anunciou, nesta quinta-feira (12), uma alteração em seus critérios para detecção da doença pela rede pública de saúde.
Depois de ter causado uma série de dúvidas nos porto-alegrenses que tiveram contato com pessoas positivas para a Covid-19 no ambiente de trabalho, a prefeitura de Porto Alegre anunciou, nesta quinta-feira (12), uma alteração em seus critérios para detecção da doença pela rede pública de saúde.
De agora em diante, os trabalhadores que tiverem contato com pessoas contaminadas pelo novo coronavírus no serviço e apresentarem pelo menos um sintoma compatível com a doença, além do contato de uma hora com a pessoa contaminada, poderão realizar o exame ainda que assintomáticos.
Antes, a Secretaria Municipal de Saúde (SMS) determinava que a testagem somente fosse realizada se a pessoa com suspeita de Covid-19 tivesse tido contato direto com o colega infectado por, pelo menos, 4 horas diárias. Além disso, outros critérios levavam em consideração a apresentação de sintomas pelo paciente diagnosticado, o contato entre os colegas ter ocorrido em período de transmissão do vírus (cinco dias antes e até 14 dias após o início dos sintomas), e o colega ter tido diagnóstico confirmado mediante o teste RT-PCR. O contato ocasional em áreas de uso comum, como cozinha, sanitário ou sala de reuniões, segundo a SMS, não eram considerados critérios para a testagem.
As mudanças nos critérios, segundo a diretora da Atenção Primária da SMS, Diane Nascimento, acontecem com o objetivo de garantir maior agilidade na testagem e diminuir a transmissão e circulação do vírus na cidade.
Até o momento, 203 mil testes já foram realizados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e pela rede privada em Porto Alegre. Conforme a SMS, há indicação para realização de testes para todas as pessoas sintomáticas, familiares assintomáticos de casos positivos e para quem teve contato com infectados no ambiente de trabalho. No entanto, a população deve seguir os critérios para cada tipo estabelecido pela pasta.
Apesar disso, a secretaria reforçou que pessoas que apresentarem sintomas como tosse, febre, cefaleia, alteração no olfato ou paladar, dor de garganta, redução da força muscular, dor muscular ou dificuldade para respirar, que procurem o serviço de atendimento médico para serem avaliados, examinados e testados.
Pessoas que tiveram contato com casos positivos, sem sintomas, devem procurar a sua unidade de saúde de referência e informar o CPF da pessoa positiva para o novo coronavírus. No atendimento, o paciente será orientado em relação ao prazo para fazer o teste rápido. O mesmo procedimento é indicado para pessoas que tiveram contato com casos positivos em ambiente de trabalho.
Comentários CORRIGIR TEXTO