Porto Alegre, segunda-feira, 19 de outubro de 2020.
Dia do Profissional de Informática. Dia da Inovação.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 19 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Educação

- Publicada em 19h34min, 19/10/2020. Atualizada em 20h03min, 19/10/2020.

Volta às aulas: Rede privada de Porto Alegre registra boa adesão de alunos

No Colégio Anchieta, a retomada aconteceu pelos alunos da Educação Infantil, que têm idades entre três e seis anos

No Colégio Anchieta, a retomada aconteceu pelos alunos da Educação Infantil, que têm idades entre três e seis anos


LUIZA PRADO/JC
Gabriela Porto Alegre
A segunda-feira (19) foi marcada pela retomada das atividades presenciais em pelo menos 21 escolas privadas de Porto Alegre, segundo um levantamento realizado pelo Sindicato do Ensino Privado do Rio Grande do Sul (Sinepe/RS).
A segunda-feira (19) foi marcada pela retomada das atividades presenciais em pelo menos 21 escolas privadas de Porto Alegre, segundo um levantamento realizado pelo Sindicato do Ensino Privado do Rio Grande do Sul (Sinepe/RS).
No Colégio Anchieta, localizado no bairro Três Figueiras, por exemplo, a retomada, que já era esperada, aconteceu pelos alunos da Educação Infantil, que têm idades entre três e seis anos. Na última semana, com a expectativa desse retorno escalonado, o colégio promoveu diversas ações, a fim de promover uma ambientação dos alunos ao espaço atual da escola, que conta com novidades relacionadas ao distanciamento social.  “Nos dias 14, 15 e 16, fizemos uma atividade de ambientação, para que os nossos alunos pudessem visitar os ambientes reconfigurados, que agora estão organizados para recebê-los de uma forma diferente, focada no autocuidado”, explicou a professora Tatiane Ayala Waldow, coordenadora da Educação Infantil e Ensino Fundamental I.
Justamente por conta dessa experiência, o primeiro dia dessa volta às aulas presenciais foi bem melhor do que Tatiane imaginava. “Foi bem mais tranquilo. Como houve essa ambientação anterior, eles chegaram mais familiarizados com o espaço”, disse.
Segundo ela, desde o início da pandemia da Covid-19 o Anchieta criou um grupo de trabalho para pensar e fazer o planejamento de como se daria esse retorno. “Estávamos há um bom tempo pensando em como daríamos conta das exigências sanitárias para esse retorno controlado com responsabilidade”, comentou.
Pensando no bem-estar de todos, a colégio promoveu uma pesquisa com o objetivo de entender como se daria essa retomada, quantos retornariam e quantas famílias optariam pelas atividades remotas. “Estamos com uma adesão bem grande. Dos nossos 350 alunos, 2/3 das crianças estão vindo para o presencial. Estamos acolhendo a todos de forma escalonada. Nas turmas maiores, de crianças de 4 e 5 anos, por exemplo, estamos fazendo uma divisão em dois grupos”, explicou. As famílias e os alunos que optaram pelo ensino remoto continuarão recebendo o material necessário para seguirem estudando de casa.
A expectativa de Tatiane é que, com segurança e de forma gradativa, as crianças possam ir retornando e se sentindo acolhidas novamente pela rede Anchieta. “Claro que o nosso desejo era de ter todos ao mesmo tempo, porque a escola é viva à medida em que eles estão conosco. Mas entendemos esse momento único e, com criatividade e cuidado com a vida, estamos voltando aos poucos, com cautela, fé e segurança”.
Na Rede Marista, as aulas foram retomadas principalmente na Educação Infantil, com exceção do Marista Rosário, que optou também pela retomada do 3º ano. “Para nós, foi um dia de muita expectativa e uma experiência bastante rica. Antes do retorno, aplicamos uma pesquisa de intencionalidade com as famílias sobre esse resultado, que se efetivou nesse primeiro dia com bastante adesão”, comentou o gerente educacional dos Colégios e Unidades Sociais da Rede Marista, Luciano Centenaro.
Conforme ele, a retomada também foi bastante tranquila na rede. “Nossas crianças estavam bem preparadas pelas famílias em casa, todos os protocolos da nossa cartilha foram bem estudado e todos chegaram bem mobilizados”, disse. Aos alunos e famílias que optaram pela continuidade do ensino remoto, a Rede Marista continuará disponibilizando o acesso às aulas via a plataforma Marista Virtual.
A expectativa de Luciano, porém, é de que tão logo os alunos retornem, com segurança, às atividades presenciais. “Procuramos capacitar os professores e colaboradores para que tivessem amplo conhecimento dos protocolos, a fim de que eles possam receber nossos estudantes e prepara-los para o retorno presencial”.

Escolas e retornos

19/10 – Educação Infantil
Colégio Sta. Inês
Centro E.M. Pastor Dohms - Unidade Higienópolis
Centro E.M. Pastor Dohms - Unidade Zona Sul
Colégio Maple Bear
Escola E. F. Mãe Admirável
Escola Projeto
Colégio Marista Rosário
Colégio Marista Ipanema
Colégio Marista Champagnet
Colégio Marista São Pedro
Colégio Marista Assunção
Colégio Marista Jaime Biazus
Colégio Romano São Mateus (também retorna Ensino Médio)
Colégio Monteiro Lobato
Colégio La Salle Dores
Colégio Mãe de Deus (também retorna Ensino Médio)
Colégio João Paulo I
Colégio Santa Dorotéia (dia 21 também retorna Ensino Médio)
Colégio Bom Jesus Sevigné
Escola Vinicius de Morais (volta o Médio dia 19, Infantil dia 26)
20/10 – Educação Infantil
Colégio Bom Conselho
Colégio Nossa Senhora Glória (também retorna Ensino Médio)
(*) Constam na lista apenas as escolas que responderam a pesquisa do Sinepe/RS.
Fonte: Sinepe/RS
Comentários CORRIGIR TEXTO