Porto Alegre, quinta-feira, 30 de julho de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 30 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Urbanismo

- Publicada em 10h26min, 30/07/2020. Atualizada em 14h23min, 30/07/2020.

Fundo da Google vai financiar projetos climáticos de até R$ 660 mil em Porto Alegre

Porto Alegre foi uma das duas cidades brasileiras escolhidas para receber o piloto da iniciativa

Porto Alegre foi uma das duas cidades brasileiras escolhidas para receber o piloto da iniciativa


JEFFERSON BERNARDES/PMPA/JC
As organizações porto-alegrenses que tiverem projetos inovadores e de impacto na mitigação de emissões de gases do efeito estufa têm uma oportunidade para tirar a ideia do papel. Serão selecionadas duas organizações da sociedade civil com atuação local para receberem aporte do Action Fund - fundo de financiamento climático do Google.org, gerido pelo ICLEI (Governos Locais pela Sustentabilidade). O prazo para envio das propostas encerra em 4 de setembro. Os projetos podem ser de até R$ 660 mil.
As organizações porto-alegrenses que tiverem projetos inovadores e de impacto na mitigação de emissões de gases do efeito estufa têm uma oportunidade para tirar a ideia do papel. Serão selecionadas duas organizações da sociedade civil com atuação local para receberem aporte do Action Fund - fundo de financiamento climático do Google.org, gerido pelo ICLEI (Governos Locais pela Sustentabilidade). O prazo para envio das propostas encerra em 4 de setembro. Os projetos podem ser de até R$ 660 mil.
Porto Alegre e Curitiba foram as duas cidades brasileiras selecionadas pelo Google.org e pelo ICLEI para participar dessa iniciativa piloto. O prefeito da capital gaúcha, Nelson Marchezan Junior, destaca que entre os pontos determinantes para a escolha está "a nossa estratégia de integrar a agenda climática ao planejamento urbano, além dos esforços na priorização do transporte público, os incentivos aos modais ativos de transporte, a qualificação dos espaços públicos e os investimentos em macrodrenagem e na digitalização de serviços e procedimentos administrativos”.
O secretário municipal do Meio Ambiente e da Sustentabilidade, Germano Bremm, explica que as organizações não-governamentais, organizações da sociedade civil, institutos de pesquisa e instituições acadêmicas selecionadas deverão ter capacidade de usar dados públicos, como, por exemplo, os dados gerados pela ferramenta Environmental Insights Explorer (EIE) do Google, para desenvolver projetos que contribuam com a estratégia local pelo clima. “Em maio, assim que fomos selecionados, recebemos de forma gratuita a plataforma pública EIE, que exibe dados de emissões de Porto Alegre, e de pelo menos outras 100 cidades no mundo, relacionados a edifícios e transportes, além do potencial solar de coberturas.”
Em 2019, o Google anunciou um fundo de US$ 4 milhões para ajudar a acelerar a ação climática, com doações para apoiar instituições sem fins lucrativos na Europa e na América Latina. Em Porto Alegre, as entidades candidatas devem apresentar projetos com início em setembro de 2020 e encerramento em setembro de 2021. Os projetos apresentados podem abordar temas de mobilidade urbana sustentável, eficiência energética e sustentabilidade em edifícios, produção e uso de energia solar, gestão da qualidade do ar e outras propostas que dialoguem com a estratégia climática da cidade.
Além disso, as organizações proponentes poderão se unir para apresentar projetos, maximizando a capacidade de execução e de impacto da proposta. O formato da parceria entre organizações deverá ser validado pela equipe do ICLEI América do Sul. As propostas devem ser encaminhadas para o e-mail iclei-sams@iclei.org até 4 de setembro. Dúvidas sobre o edital também podem ser esclarecidas pelo mesmo endereço eletrônico. A escolha será realizada com base nos critérios estabelecidos por meio do Comitê de Seleção do ICLEI América do Sul.
Nos próximos dias, uma capacitação on-line na ferramenta EIE será oferecida pelo ICLEI América do Sul a todos os interessados. Clique aqui para acessar o edital completo.
Comentários CORRIGIR TEXTO