Porto Alegre, sexta-feira, 25 de setembro de 2020.
Dia do Trânsito.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sexta-feira, 25 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Coronavírus

- Publicada em 21h06min, 26/05/2020.

Brasil registra mais 1.039 óbitos, e total chega a 24,5 mil

Rio Grande do Sul ultrapassou, nesta terça-feira, a marca de sete mil casos confirmados do novo coronavírus

Rio Grande do Sul ultrapassou, nesta terça-feira, a marca de sete mil casos confirmados do novo coronavírus


RICARDO ARDUENGO/AFP/JC
A pandemia do novo coronavírus segue crescendo no Brasil. Nesta terça-feira (26), mais 1.039 mortes foram confirmadas no País em razão da Covid-19. O total de vítimas fatais já chega a 24.512. Outras 3.882 seguem em investigação para a identificação da causa.
A pandemia do novo coronavírus segue crescendo no Brasil. Nesta terça-feira (26), mais 1.039 mortes foram confirmadas no País em razão da Covid-19. O total de vítimas fatais já chega a 24.512. Outras 3.882 seguem em investigação para a identificação da causa.
Além disso, 16.324 casos foram acrescidos ao total de pessoas infectadas, elevando o total de contaminações no País para 391.222. A letalidade da pandemia no Brasil é de 6,3%, enquanto a mortalidade é de 11,7 pessoas por 100 mil habitantes.
O Rio Grande do Sul ultrapassou, nesta terça-feira, a marca de sete mil casos confirmados do novo coronavírus. Já são ao menos 7.196 pessoas infectadas em 259 cidades gaúchas. Os dados do painel oficial da Secretaria Estadual da Saúde estão defasados, na medida em que não contam com os dados atualizados de Porto Alegre.
Seis novos óbitos foram registrados ontem. As mortes ocorreram nos municípios de Bom Retiro do Sul (homem, 76 anos), Encantado (homem, 52 anos), Gravataí (homem, 63 anos), Novo Hamburgo (homem, 62 anos), Tramandaí (homem, 61 anos) e Venâncio Aires (mulher, 75 anos). Ao todo, 203 pessoas perderam a vida em razão da Covid-19 no Rio Grande do Sul.
No início da noite desta terça-feira, havia 126 gaúchos hospitalizados em Unidades de Tratamento Intensivo com diagnóstico confirmado da doença. Outras 105 pessoas estavam em UTIs com suspeita de Covid-19.
Em relação aos mortos no Brasil, segundo o ministério, 69% tinham acima de 90 anos e pelo menos 63% apresentavam algum fator de risco, entre os quais, os mais comuns eram doenças do coração, diabetes, doenças renais, doenças neurológicas e pneumopatias.
Além disso, 173.819 pessoas foram hospitalizadas por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG). Deste total, 54.951 foram por Covid-19, 1.877 por influenza, 59.660 não especificadas e outras 54.994 ainda estão em investigação.
Comentários CORRIGIR TEXTO