Porto Alegre, quarta-feira, 20 de maio de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 20 de maio de 2020.
Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Pesquisa

Notícia da edição impressa de 20/05/2020. Alterada em 20/05 às 03h00min

Ufrgs participa de análise sobre estilo de vida e saúde mental

Passo seguinte será o desenvolvimento de um aplicativo de dicas para uma rotina saudável

Passo seguinte será o desenvolvimento de um aplicativo de dicas para uma rotina saudável


MARCO QUINTANA/JC
A Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) está participando de um estudo inédito intitulado "Hábitos saudáveis e estilo de vida durante a pandemia do Covid-19: uma websurvey para a população brasileira". A pesquisa tem como objetivo entender o impacto da pandemia na vida, na saúde e no comportamento da população durante o período de isolamento social. O estudo pode ser respondido por meio no link (www.surveygizmo.com/s3/5546915/covid-19-pt-br) até esta quarta-feira (20).
A Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) está participando de um estudo inédito intitulado "Hábitos saudáveis e estilo de vida durante a pandemia do Covid-19: uma websurvey para a população brasileira". A pesquisa tem como objetivo entender o impacto da pandemia na vida, na saúde e no comportamento da população durante o período de isolamento social. O estudo pode ser respondido por meio no link (www.surveygizmo.com/s3/5546915/covid-19-pt-br) até esta quarta-feira (20).
Durante o preenchimento, o participante tem aceso a dicas e hábitos saudáveis para a quarentena, formulados a partir de protocolos da Organização Mundial de Saúde (OMS) e da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), que desenvolve o projeto junto a pesquisadores da Ufrgs, da Universidade de Valencia (Espanha) e da McMaster University (Canadá). As recomendações abordam temas como alimentação, exercícios e outros fatores que interferem na saúde mental.
Em duas semanas, cerca de 18 mil pessoas já responderam ao questionário no Brasil e três mil na Espanha. O estudo é um dos contemplados pelo edital emergencial da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio Grande do Sul (Fapergs). Depois da coleta de dados, o passo seguinte será o desenvolvimento de um aplicativo de dicas para manter uma rotina saudável.
Comentários