Porto Alegre, terça-feira, 03 de março de 2020.
Dia do Meteorologista.

Jornal do Comércio

Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

CORRIGIR

Clima

03/03/2020 - 14h38min. Alterada em 03/03 às 14h56min

Forte chuva causa 13 mortes na Baixada Santista

Equipes do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil de São Paulo trabalham no resgate às vítimas

Equipes do Corpo de Bombeiros e da Defesa Civil de São Paulo trabalham no resgate às vítimas


CORPO DE BOMBEIROS SP/DIVULGAÇÃO/JC
Atualizada às 15h
Atualizada às 15h
A forte chuva que atingiu a Baixada Santista nesta terça-feira (3) causou a morte de 13 pessoas. O mau tempo gerou deslizamentos e inundações nos municípios de Guarujá, São Vicente e Santos, todos no litoral sul de São Paulo. 
De acordo com a atualização do Corpo de Bombeiros do Estado de São Paulo feita às 13h55min, o número de pessoas desaparecidas diminuiu para 45. Até às 12h40min, 46 vítimas não haviam sido encontradas. Na região, 31 viaturas e 113 profissionais trabalham no socorro às vítimas. Segundo a Defesa Civil paulista, todas as equipes estão nas ruas auxiliando os moradores afetados. 
Nas últimas 12 horas choveu 282 mm em Guarujá; 218 mm em Santos; 170 mm em Praia Grande; 169 mm em São Vicente; 160 mm em Mongaguá; 132 mm em Cubatão; e 110 mm em Bertioga. A previsão é de que ainda ocorra chuva moderada a forte em todo o litoral paulista ao longo desta terça-feira.  A formação de uma área de baixa pressão e a circulação de ventos em altos níveis da atmosfera favorecem o mau tempo na Baixada Santista.
*Com agências