Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 18 de dezembro de 2019.
Dia Internacional do Migrante.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Cidadania

Edição impressa de 18/12/2019. Alterada em 18/12 às 03h00min

Parceria dará atendimento judicial especializado a idosos

Uma parceria assinada entre o Judiciário e a Polícia Civil estaduais irá dar aos idosos gaúchos mais um instrumento de proteção e de defesa dos seus direitos. O convênio estabelece um trabalho integrado para atendimento especializado aos que já têm 60 anos ou mais.
Uma parceria assinada entre o Judiciário e a Polícia Civil estaduais irá dar aos idosos gaúchos mais um instrumento de proteção e de defesa dos seus direitos. O convênio estabelece um trabalho integrado para atendimento especializado aos que já têm 60 anos ou mais.
"Os idosos, entre outras parcelas vulneráveis, se constituem em mais da metade da população do Rio Grande do Sul. Este convênio visa a conferir um encaminhamento imediato aos casos que chegarem à Polícia Civil. Assim, vamos construindo uma rede de proteção, de apoio e de inclusão", afirmou a Corregedora-Geral da Justiça, desembargadora Denise Oliveira Cezar.
Através da parceria, a Polícia Civil fará a triagem dos casos envolvendo idosos, em que for possível empregar a conciliação, mediação ou Justiça Restaurativa, e os encaminhará ao CEJUSC 60 , mediante prévio agendamento. A unidade, recém-inaugurada, fica localizada no Foro Central I, em Porto Alegre, e é voltada para o atendimento especializado da terceira idade.
Ao Judiciário caberá disponibilizar espaço físico para realização das sessões de conciliação e mediação pré-processuais e atendimento ao idoso encaminhado pela Polícia Civil, mediante abordagem interdisciplinar.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia