Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 31 de outubro de 2019.
Dia das Bruxas.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

clima

31/10/2019 - 08h28min. Alterada em 31/10 às 11h14min

Mais de 214 mil permanecem sem energia elétrica no Rio Grande do Sul após temporais

Em Dom Pedrito, trabalho contou com apoio do exército na remoção de árvores da rede elétrica

Em Dom Pedrito, trabalho contou com apoio do exército na remoção de árvores da rede elétrica


CEEE/Divulgação/JC
Os temporais que atingem o Rio Grande do Sul desde a terça-feira (29) ainda causam transtornos no Estado. Na manhã desta quinta (31), 214,8 mil clientes permaneciam sem luz devido a novas ocorrências de chuva forte e ventania em diversas regiões. De acordo com os últimos balanços das concessionárias, são, pelo menos, 170 mil pontos afetados na área da RGE e outros 44,8 mil na região da CEEE.
Os temporais que atingem o Rio Grande do Sul desde a terça-feira (29) ainda causam transtornos no Estado. Na manhã desta quinta (31), 214,8 mil clientes permaneciam sem luz devido a novas ocorrências de chuva forte e ventania em diversas regiões. De acordo com os últimos balanços das concessionárias, são, pelo menos, 170 mil pontos afetados na área da RGE e outros 44,8 mil na região da CEEE.
Os maiores reflexos do mau tempo são sentidos na região da Campanha, Fronteira Oeste, Sul, Serra e Litoral. Em Dom Pedrito, município mais atingido pelos temporais e que chegou a decretar situação de emergência, o trabalho contou com apoio de homens do exército na remoção de árvores e galhos da rede elétrica.
De acordo com a Defesa Civil estadual, são 27 municípios com estragos pela chuva. Cinco já decretaram situação de emergência: Santana do Livramento, Dom Pedrito, Bagé, São Gabriel e Ibarama.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia