Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 25 de julho de 2019.
Dia do Escritor. Dia do Motorista .

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Clima

Edição impressa de 25/07/2019. Alterada em 25/07 às 03h00min

Em apenas dois dias, chuva em Porto Alegre se aproxima da média histórica de julho

De terça-feira até as 17h desta quarta-feira, choveu um total de 111,2 mm na Capital

De terça-feira até as 17h desta quarta-feira, choveu um total de 111,2 mm na Capital


CLAITON DORNELLES /JC
Porto Alegre amanheceu com chuva na terça-feira. Durante o dia, houve alguns momentos em que a precipitação cessou, mas tratou de retornar logo em seguida. Ontem, diferentemente, a cidade ficou abaixo d'água o dia inteiro. O resultado foi uma série de pontos de alagamento e um volume total de chuva que se aproximou da média histórica para o mês de julho.
Porto Alegre amanheceu com chuva na terça-feira. Durante o dia, houve alguns momentos em que a precipitação cessou, mas tratou de retornar logo em seguida. Ontem, diferentemente, a cidade ficou abaixo d'água o dia inteiro. O resultado foi uma série de pontos de alagamento e um volume total de chuva que se aproximou da média histórica para o mês de julho.
Conforme o Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), com dados apurados desde 1961, durante os 31 dias de julho, costuma chover, em média, 141 mm na Capital. De terça-feira até as 17h de ontem choveu um total de 111,2 mm, segundo a Defesa Civil. O volume corresponde a quase 79% da média histórica de chuva para o mês. Somente ontem, havia chovido 99,8 mm - volume que certamente ultrapassou os 100 mm das 17h até o fim do dia.
A cidade em que mais choveu no período de 48 horas apontado pela Defesa Civil foi São Luiz Gonzaga - 145,8 mm. Em outras, como Santa Vitória do Palmar, porém, caiu apenas 3,4 mm.
A previsão do Inmet para esta quinta-feira, em Porto Alegre, é de diminuição nos índices, mas a precipitação deve persistir. As trovoadas e a chuva forte retornam, porém, na sexta-feira, antecipando um fim de semana ensolarado.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia