Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019.
Aniversário da Casa da Moeda do Brasil.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Rio de Janeiro

Alterada em 11/02 às 12h45min

Atleta ferido no incêndio no Ninho do Urubu apresenta melhora

Agência Brasil
O atleta Jonathan Cruz Ventura, 15 anos, permanece internado no Centro de Tratamento de Queimados (CTQ) do Hospital Municipal Pedro II, em Santa Cruz, e apresenta quadro estável, com melhora na respiração e sem febre.
Jonathan ficou gravemente ferido no incêndio que atingiu, na sexta-feira (8), o Centro de Treinamento do Flamengo, conhecido como Ninho do Urubu, em Vargem Grande, na zona oeste do Rio. Dez atletas, entre 14 e 16 anos, das categorias de base do clube, que dormiam no alojamento, morreram no incêndio.
Segundo a Secretaria Municipal de Saúde Jonathan está hemodinamicamente estável, com melhoras nos parâmetros respiratórios. O boletim médico divulgado no fim da manhã de hoje (11) informa que a sedação foi suspensa e ele não apresentou febre nas últimas 24h. Também foi submetido a nova broncoscopia, que mostrou melhora das lesões pulmonares, além de ter passado por banho das queimaduras profundas, que não mostrou piora das lesões.
Cinco das vítimas foram enterradas ontem e as outras cinco serão sepultadas hoje.
A prefeitura informou, em nota, que o prédio e o contêiner atingidos não possuem certificado de autorização dos Bombeiros e que, portanto, não estava apto a operar, já que a corporação é a única com atribuição para emitir tal licença.
A Secretaria Municipal de Urbanismo informou que a licença em vigor para o empreendimento é apenas para as obras, com validade até março de 2019. Porém, o Flamengo não teria apresentado a documentação relativa ao alojamento. A prefeitura vai abrir uma investigação esta semana para apura o caso. O Clube do Flamengo e os engenheiros responsáveis pela obra serão chamados para prestar esclarecimentos.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia