Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 10 de outubro de 2018.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

Segurança Pública

Alterada em 10/10 às 17h21min

Governo do RS anuncia planos para construção de novo presídio

Sem esmiuçar detalhes, Schirmer prometeu oficializar a questão na semana que vem

Sem esmiuçar detalhes, Schirmer prometeu oficializar a questão na semana que vem


CLAITON DORNELLES /JC
Suzy Scarton
O secretário estadual de Segurança, Cezar Schirmer, anunciou, na manhã desta quarta-feira (10), o plano de construir mais um presídio no Rio Grande do Sul. O espaço, que deverá se localizar na região Metropolitana, oferecerá 600 novas vagas. A princípio, o presídio seria construído com permuta de imóveis do Estado, aos moldes do que ocorreu com o Grupo Zaffari, que construiu um estabelecimento prisional ao lado do já existente Presídio Central de Porto Alegre. Sem esmiuçar detalhes, o secretário prometeu oficializar a questão na semana que vem.
Informações extraoficiais obtidas pela reportagem do Jornal do Comércio dão conta de que o novo presídio será construído em Sapucaia do Sul. O prefeito do município, Luis Rogério Link, afirma estar em negociações sobre o assunto com a Secretaria Estadual de Segurança Pública (SSP) há cerca de sete meses, embora nada esteja, ainda, confirmado. “Encaminhamos um protocolo de intenções à SSP no dia 4 de outubro”, explica. Caso seja confirmado, é provável que o presídio seja construído em uma área da Fundação Zoobotanica, atrás do zoológico de Sapucaia do Sul, na chamada Estrada Municipal do Zoologico.
Schirmer fez o anúncio durante cerimônia de entrega de 109 viaturas e de 275 coletes balísticos à Brigada Militar (BM). O investimento do Estado para a compra foi de R$ 10 milhões. A aquisição se deu por meio de convênio entre a BM e o Departamento Estadual de Trânsito e da participação das comunidades, que destinaram recursos da Consulta Popular para o reaparelhamento da corporação. Porto Alegre recebeu cinco novas viaturas. Glorinha, Santa Maria e São Leopoldo foram contemplados com três veículos. Caçapava do Sul, Bagé, Cruz Alta, Novo Hamburgo, Santa Cruz do Sul, São Sebastião do Caí, Ibirubá e Palmeira das Missões ganharam, cada, duas novas viaturas.
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia