Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 14 de junho de 2018.
Dia Mundial do Doador de Sangue.

Jornal do Comércio

Geral

COMENTAR | CORRIGIR

investigação

14/06/2018 - 08h33min. Alterada em 14/06 às 08h51min

Polícia Federal combate tráfico internacional de drogas no Rio Grande do Sul e mais dois estados

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta quinta-feira (14) a Operação Duelo contra três grupos criminosos que atuam no tráfico internacional de entorpecentes em Foz do Iguaçu (PR). Cerca de 90 Policiais Federais estão cumprindo 12 mandados de busca e apreensão e 12 mandados de prisão preventiva, nos Rio Grande do Sul, Paraná e São Paulo.
Segundo a PF, "no decorrer da investigação, iniciada em 2016, verificou-se a existência de três núcleos criminosos que, seja de maneira paralela, seja com interdependência, atuam no tráfico de drogas, estando vinculados a apreensões de entorpecentes realizadas em diversas regiões do País".
"Alguns dos envolvidos nos delitos encontram-se, inclusive, cumprindo pena pela prática de outros crimes, em prisão domiciliar ou recolhidos ao sistema prisional", afirma a Polícia Federal, por meio de nota.
A PF afirma que as "investigações demonstram robustos indícios acerca do modus operandi das três associações criminosas, demonstrando o elo estável mantido entre seus integrantes para prática do crime de tráfico transnacional de entorpecentes".
"A droga, proveniente do Paraguai, era distribuída em diversos Estados do País, por via terrestre ou aérea, em voos comerciais. Foi possível identificar a atuação destes grupos criminosos em fatos relacionados a apreensões de maconha e/ou de haxixe ocorridas em Foz do Iguaçu (PR), Céu Azul (PR), Gravataí (RS) e no aeroporto de Guarulhos (SP)".
De acordo com a PF, a "ação tem, dentre outros, o objetivo de reunir informações complementares sobre a prática dos crimes de tráfico de drogas e associação para o tráfico, bem como acerca de eventual delito de lavagem de capitais, decorrente da movimentação dos valores auferidos com o tráfico".
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia