Pâmela Maidana

Experiências acontecem nas terças-feiras e custam R$ 95,00

Empreendedora investe em degustações de vinhos em casa

Pâmela Maidana

Experiências acontecem nas terças-feiras e custam R$ 95,00

Não há como negar que muitas experiências foram perdidas por conta da pandemia do coronavírus. A opção para quem atuava em um mercado que dependia dos estímulos sensoriais, em 2020, foi uma só: a reinvenção.

Ops! Este conteúdo é exclusivo para assinantes...

Não há como negar que muitas experiências foram perdidas por conta da pandemia do coronavírus. A opção para quem atuava em um mercado que dependia dos estímulos sensoriais, em 2020, foi uma só: a reinvenção.
A gastrônoma e sommelier Michele Landgraf, de Porto Alegre, teve o desafio de manter o interesse do público por suas degustações de vinhos. Atualmente, ela monta e entrega kits nas casas dos clientes. Foi o jeito de continuar oferecendo um serviço que, antes da Covid-19, era totalmente presencial. "A vontade de reproduzir, pelo menos minimamente, o que a gente vivia me deu esse start, essa ideia de encontros virtuais", avalia Michele.
A iniciativa de abrir turmas para degustar os vinhos surgiu de uma brincadeira com uma amiga, que criou um grupo no WhatsApp e mandou um vinho para cada um dos integrantes e o horário para que todos tomassem juntos. "Minha amiga é sommelier, mas não trabalha com isso. Como eu atuo no ramo, ela disse que era para eu tomar conta do grupo." Nasceu, assim, seu novo negócio.
Hoje, toda semana, Michele ministra uma degustação de vinhos da seguinte forma: são enviadas de cinco a seis garrafinhas de vinhos selecionados, uma refeição e uma ficha de degustação. Ela pesquisa sobre a história e a cultura do local de onde vem o vinho e o papo rola solto, com entregas em Porto Alegre e na Região Metropolitana. Uma das preocupações de Michele é a apresentação do produto. Para a sommelier, é importante que o participante já saiba do que se trata ao receber os vinhos. Não é apenas um delivery ou um pacote dos correios, é uma experiência gastronômica que foi pensada, exclusivamente, para o seu público, segundo ela.
"Criei um método de abordagem completamente diferente, que ninguém usa em degustação de vinhos. O apelo maior dos meus eventos é que não avaliamos tecnicamente o vinho. Fazemos uma avaliação sensorial, sensitiva. A abordagem é a partir do que o vinho te desperta, como que tu te sentes bebendo."
No dia da degustação, Michele cria um grupo de WhatsApp - assim como fez sua amiga inicialmente - para compartilhar a localização dos pedidos e curiosidades sobre os vinhos. "Depois do encontro, compartilho a ficha e a foto dos rótulos", detalha a sommelier.
A degustação foi feita para ser apreciada tanto por leigos como pelos amantes da bebida. "Como aposto na experiência em si, desde a pessoa que nunca tomou uma taça de vinho até o maior expert, estão todos no mesmo nível. A maneira como discutimos essa degustação é completamente diferente", pontua. As degustações semanais acontecem nas terças-feiras e custam R$ 95,00.
Pâmela Maidana

Pâmela Maidana - repórter do GeraçãoE

Receba matérias deste autor
Pâmela Maidana

Pâmela Maidana - repórter do GeraçãoE

Receba matérias deste autor

Deixe um comentário