Vitorya Paulo

Tudo começou a partir de um vídeo postado no Instagram

Esteticista cria consultoria para profissionais do ramo

Vitorya Paulo

Tudo começou a partir de um vídeo postado no Instagram

Foi trabalhando como designer de sobrancelhas aos 16 anos que Luiza Dai Prá, hoje com 23, descobriu que sua praia era empreender. Mais recentemente, em junho de 2018, surgiu a oportunidade de montar um negócio exatamente do jeito que sonhava: o Lulumesalva.

Ops! Este conteúdo é exclusivo para assinantes...

Foi trabalhando como designer de sobrancelhas aos 16 anos que Luiza Dai Prá, hoje com 23, descobriu que sua praia era empreender. Mais recentemente, em junho de 2018, surgiu a oportunidade de montar um negócio exatamente do jeito que sonhava: o Lulumesalva.
Formada em Estética e Cosmética pela Universidade Feevale, Luiza, que mora em Farroupilha, descobriu no Instagram uma forma de mostrar suas visões e, ao perceber retornos positivos dos seguidores, decidiu investir no ramo. Assim, a esteticista largou os atendimentos para prestar consultorias e dar cursos para outros profissionais.
Enquanto oferecia o serviço ao público final, Luiza observou alguns erros de biossegurança, como a não utilização de máscaras descartáveis sobre o nariz e a boca durante os atendimentos. Ela não teve dúvidas: pegou o celular e gravou vídeos explicando a importância de utilizar os equipamentos corretos. Ao marcar #lulumesalva, ganhou visibilidade. Colegas começaram a pedir orientações e a incentivaram a continuar com os conteúdos.
Foi aí que viu a chance de comandar um negócio e chamar de seu. Os vídeos se tornaram mais frequentes no perfil, que atualmente acumula 11 mil seguidores. Assim, Luiza consagrou sua marca, deixando o emprego em uma clínica. "Não queria trabalhar a vida inteira de jaleco", revela. Ao mesclar a experiência que já tinha conquistado à vocação, passou a prestar consultorias a profissionais com o objetivo de ensinar outras empreendedoras sobre gerenciamento. "São muitos os espaços que abrem, mas são poucos os que se mantêm. O negócio tem que estar muito bem orquestrado", opina.
Atualmente, a Lulumesalva oferece serviços de mentorias individuais ou em grupo, cuja implementação abrange tópicos como organização financeira, comunicação, produção audiovisual e treinamento de pessoal, como recepcionistas. Em outubro deste ano, Luiza também inaugurou a primeira turma do seu curso on-line, o Guia de Sobrevivência na Estética, que soma 18 alunas. "É desafiador, porque o mercado da estética é muito romantizado e a gestão é predominantemente masculina", pontua.

Deixe um comentário