O cliente escolhe desde a proteína até os temperos da salada O cliente escolhe desde a proteína até os temperos da salada Foto: DIVULGAÇÃO/JC

Saladaria é opção para quem quer fugir do fast food

Empreendedora começou com delivery e hoje tem espaço físico

Priscila Madrid tem 26 anos e um negócio próprio: a Abacaxi com Hortelã - Saladaria, nome que ela diz ter criado quando decidiu abrir um espaço voltado para alimentação saudável. Formada em logística, a jovem não se via feliz atuando na área e já estava cursando Marketing. Ela conta que o estresse fez com que pedisse demissão.
O início da saladaria foi na casa da empreendedora, através de um delivery. Na primeira semana, os pedidos se esgotavam em uma hora. Cerca de seis meses depois, recebeu uma oferta para vender seu negócio, mas acabou optando por uma sociedade. Após um ano inaugurou o espaço físico, que fica no Centro de Sapucaia do Sul, na rua Nossa Senhora das Graças, 246.
 DIVULGAÇÃO/JC
O público rapidamente comprou a ideia e foi experimentar as opções ofertadas em um cardápio escolhido a dedo para empreendedora. Priscila administra o local contando com o auxílio de mais três mulheres: duas cozinheiras e uma motogirl. Hoje, o pequeno espaço é destaque na região que tem entre os vizinhos dezenas de bancas de cachorro-quente, churrasquinho e pastel.
Cada cliente monta sua salada da forma que preferir, escolhendo desde a proteína até os temperos. A proposta é comer alimentos saudáveis por prazer e não por pressão estética, mostrando que bons hábitos são possíveis para todos. "Criei a saladaria porque queria ajudar os outros. Tenho consciência do meu sobrepeso e da minha compulsão alimentar, mas nem por isso vou deixar de frequentar um lugar assim", explica.
Compartilhe
Seja o primeiro a comentar

Publicidade
Mostre seu Negócio