9 Contabilidade - demonstrações financeiras 2 - divulgação Snowing - Freepik.com Team work process. young business managers crew working with new startup project. labtop on wood table, typing keyboard, texting message, analyse graph plans. Foto: SNOWING - FREEPIK.COM/DIVULGAÇÃO/JC

Como dar o start no seu negócio?

O Sebrae está com uma novidade: é possível percorrer uma trilha virtual para colocar uma ideia inovadora em prática. Você sabe quais passos precisa seguir para empreender de fato? Aqui mostramos os principais pontos das quatro etapas da trilha, mas você pode acessar cada uma delas em https://start.sebraers.com.br/. As inscrições estão abertas no site até 19 de maio. Por meio desse link, quem empreende terá acesso a uma trilha para explorar e modelar seus projetos durante oito semanas. Em cada etapa, serão disponibilizados conteúdos e mentorias inteiramente on-line. Ao final, o participante terá a chance de apresentar o negócio para uma banca no Pitch Day (da qual participam apenas as melhores ideias). Não é preciso ter um plano concreto. Ao longo do percurso, quem participar será motivado a pensar de forma inovadora e a encontrar um problema real que faça sentido criar uma solução.
1 - Exploração do problema/oportunidade
Neste estágio os empreendedores estão em fase de exploração. Identificaram um problema no mercado, ou seja, algo que é mal resolvido e que precisa de uma solução. O desafio desse estágio é o empreendedor estar focado no problema e não na solução. É preciso validar se o problema realmente existe, ou seja, se é uma dor relevante o suficiente para que as pessoas paguem para resolvê-la. Nesse estágio, o empreendedor precisa exercitar seu olhar de empatia para aprender com possíveis clientes.
2 - Modelagem de Negócio
Neste estágio os empreendedores já conhecem melhor seu público-alvo e entendem como o problema impacta o seu dia a dia. Com essas informações já é possível pensar em soluções mais assertivas e que se diferenciem dos concorrentes. O desafio desse estágio é encontrar um modelo de negócios que faça sentido, ou seja, capaz de gerar, entregar e capturar valor. Ao final, você precisa comprovar que seu produto resolve um problema real, que existe um mercado potencial e que é possível ganhar dinheiro com sua solução.
3 - Entregas Mínimas Viáveis (MVP)
A etapa de criação do negócio é um marco importante na transição entre uma organização focada no aprendizado e na execução. Neste estágio, chegamos à fase focada em entregar minimamente valor ao público-alvo, buscando resolver o problema da forma mais simples possível e verificar se as pessoas estão dispostas a pagar para resolvê-lo. Comprove que sua solução gera valor para seus clientes. O seu desafio nesse estágio é fazer as primeiras vendas.
4- Pitch do Negócio
O pitch é um termo muito comum dentro do contexto de startups. Além desse contexto, temos o fato de que um pitch é algo comum em qualquer cenário que envolve o empreendedorismo. De forma ampla, um pitch é uma apresentação rápida de uma ideia ou oportunidade de negócio. Uma apresentação sucinta e efetiva com intenção de transmitir uma mensagem complexa e conquistar outras pessoas: seja para conseguir um investimento ou para conseguir um novo sócio.
Compartilhe
Seja o primeiro a comentar

Publicidade
Texto relacionados
Mostre seu Negócio