Silvana e Luciana têm operação exclusiva por e-commerce Silvana e Luciana têm operação exclusiva por e-commerce Foto: /ROBSON HERMES/ JC

Marca lança coleção de festa para quem amamenta

Love Milk comemora três anos no mercado e aposta em Linha Glamour

Seja para a hora do batizado, a festa de um aninho, ou, logo mais, o Réveillon, as mães que amamentam sentem dificuldade em encontrar o look ideal. De acordo com as empreendedoras Silvana Piccinini Loss e Luciana Dalfollo Ferreira Termignoni, da Love Milk, a Linha Glamour, lançada no início de dezembro, chegou para suprir essa demanda.
Elas contam que foi preciso ter cuidado na escolha do tecido e na modelagem, pois trate-se de um mercado que tem uma exigência específica. "Não pode ter paetê ou bordado, algo que quando o bebê encoste, se machuque", explica Silvana, responsável pela criação dos modelos.
Além das peças, que custam de R$ 219,90 a
R$ 279,90, a Love Milk, atualmente, dispõe de uma gama diversificada, que atende desde a mãe mais despojada àquela mais social. Nas palavras das empreendedoras, a ordem é prezar pela praticidade, versatilidade e conforto. Uma das peças, o Macacão Alice, foi desenhada em parceria com a jornalista do Jornal do Comércio, Ana Fritsch.
Colegas da época de faculdade e atuantes no ramo de Arquitetura, as sócias, de Porto Alegre, montaram a empresa a partir de uma experiência pessoal. Ao terem filhas, ambas em fevereiro de 2015, começaram a elaborar roupas de acordo com o que seria mais favorável para a amamentação das bebês. Há três anos, a Love Milk surgiu no e-commerce e hoje atende todo o País. O crescimento fez com que Silvana e Luciana abandonassem a carreira anterior para focarem na nova empreitada. Ir para uma loja física não faz parte dos planos das empresárias. "Não pensamos em sair do virtual. Fizemos alguns estudos e vimos que sairíamos do foco. Nossa logística é toda voltada para o e-commerce", pontua Luciana. "A mãe que está com o filho em casa pouco sai para fazer compras", acrescenta.
Uma das bandeiras da marca é desenvolver peças que não se percam na medida em que os pequenos cresçam. "Esse é um dos nossos princípios, que a mãe não perca a roupa", comenta Silvana.
Compartilhe
Seja o primeiro a comentar

Publicidade
Mostre seu Negócio