Décio Pecin é presidente da rede de escolas CNA Décio Pecin é presidente da rede de escolas CNA Foto: /MARCELO G. RIBEIRO/JC

Franquia exige aptidão com gestão de pessoas

Décio Pecin, presidente da CNA Idiomas, que assume concomitantemente a presidência da Comissão de Ética da Associação Brasileira de Franchising (ABF), esteve em Porto Alegre em maio. Nesta entrevista, ele fala sobre aspectos que devem ser pensados pelos agentes envolvidos em uma rede de franquias.
GeraçãoE - Que cuidados é preciso ter antes de entrar para o mundo das franquias?
Décio Pecin - O importante, independente da localização, é o franqueado fazer todo tipo de estudo e análise do franqueador e do mercado. O franqueador pode ajudá-lo a estudar desde a escolha do ponto até a análise de viabilidade do negócio naquela praça ou não, para aquela marca. O importante é o franqueado estudar bastante, entre todas as marcas e negócios, para encontrar algo que tenha afinidade com seus gostos pessoais. Eu sempre falo: tem que buscar um pouco a felicidade antes do sucesso, porque o sucesso acaba sendo a consequência de você fazer o que gosta. Busque sempre algo que você tenha afinidade com o ramo, com o setor. Muitas vezes, não com o produto, mas com o negócio em si.
GE - Olhando para o empreendedor que já tem um negócio, qual é o primeiro passo para se tornar um franqueador?
Décio - Tornar-se um franqueador é o lado inverso, sempre olhamos pelo lado de se tornar um franqueado. Mas tornar-se um franqueador também é uma responsabilidade enorme, porque você acaba tendo que colocar o seu modelo de negócio para outras pessoas. Então, o primeiro passo é que você tenha um modelo de negócio testado, aprovado dentro de uma operação própria de sucesso. Se você tem uma operação própria de sucesso, e ela pode ser multiplicada dentro de padrões aceitáveis, isso é um primeiro passo. Um segundo passo é que você tenha aptidões de gestão e liderança de pessoas. Franchising é muito relacionamento. Franquia é você estar próximo do seu franqueado, e ele precisa também estar próximo do franqueador. É esse relacionamento que constrói o sucesso de uma rede de franquias, porque os papéis, tanto do franqueador quanto do franqueado, têm que ser muito claros na relação.
GE - Qual seria a maior responsabilidade de um franqueador?
Décio - O franqueador tem uma responsabilidade muito grande, pois, quando opta pelo sistema de franquia, está colocando pessoas para dentro de uma rede. E essas pessoas chegam com o sonho do empreendimento. Algumas ou muitas dessas vezes, chegam com a economia de uma vida. Então o franqueador precisa mesmo deixar muito claro para o franqueado, desde a entrada, quais são os papéis daquele franqueado, quais são os papéis do franqueador, porque é um negócio. E não há negócio sem riscos. É provado que as franquias têm uma maior taxa de sucesso do que negócios independentes, mas não há negócio nenhum sem risco. É importante que, a partir do momento em que você empreende, abre uma franquia, você possa também se dedicar ao negócio, seguir os padrões. Não utilizar do sistema de franquias somente como um canal de expansão, porque ele é um sistema em que você faz gestão de uma rede, e é o sucesso dos seus franqueados que vai trazer uma expansão futura.
GE - Quais são os outros pontos que devem ser pensados na hora de se franquear em outro estado?
Décio - Franquia é muito padrão. Padrão arquitetônico, padrão de imagem, de atendimento, dentro do ponto de venda, e padrão para que o cliente possa entender que, independentemente do ponto de experiência que estiver entrando, seja em Porto Alegre ou em São Paulo, ele está entrando em contato com a mesma marca. Existem marcas muito hábeis nesse sentido. Diferenças regionais em um país continental como o nosso não dificultam isso, mas colocam essa questão um pouco à prova, por fatores multiculturais. O Sul é um pouco diferente culturalmente do que o Norte do País. As empresas precisam ter essa sabedoria para entender que o padrão precisa ser estabelecido, mas o toque do franqueado é uma diferenciação importante na gestão do negócio.
Compartilhe
Seja o primeiro a comentar

Publicidade
Mostre seu Negócio