Porto Alegre, sexta-feira, 13 de maio de 2022.
Porto Alegre,
sexta-feira, 13 de maio de 2022.

Galeria de imagens

Palestinos realizam cortejo fúnebre de jornalista morta a tiros; forças israelenses atacam enlutados

Esta sexta-feira (13) foi marcada pelo cortejo fúnebre da jornalista palestino-americana Shireen Abu Aklel (foto), morta a tiros nesta semana durante um ataque do Exército israelense na Cisjordânia. Enlutados, palestinos carregaram o caixão da jornalista desde uma igreja até o cemitério, em Jerusalém. Bandeiras palestinas - que raramente são vistas - foram acenadas pelas milhares de pessoas que ocuparam as ruas da Jerusalém Oriental. A polícia de Israel atacou a procissão, chutando e atingindo as pessoas com cassetetes. Imagens de TV mostram o caixão de Shireen caindo no momento em que as forças israelenses atingem as pessoas que carregam o corpo da jornalista. Segundo a polícia, os enlutados estavam "interrompendo a ordem pública". O embaixador da União Europeia em Israel, Dimiter Tzantchev, publicou em rede social que estava "consternado" com o "uso desproporcional e desrespeitoso da força" da polícia israelense contra os enlutados. 
 

FOTO RONALDO SCHEMIDT/AFP/JC