Porto Alegre, quarta-feira, 30 de dezembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 30 de dezembro de 2020.

Galeria de imagens

Maré verde celebra legalização do aborto até 14ª semana nas ruas de Buenos Aires

Por 38 votos favoráveis a 29 contrários, o Senado argentino aprovou a legalização do aborto no país até a 14ª semana de gestação. A votação histórica teve 12 horas de debate, começando na terça-feira (29) e encerrando na madrugada desta quarta (30). Apoiada pelo movimento feminista do país (foto), conhecido como Maré verde, a aprovação fez milhares de argentinos pró-aborto se reunirem na Praça do Congresso, em Buenos Aires. A Argentina se junta ao Uruguai, Guiana, Guiana Francesa, Cuba e Porto Rico, grupo de países da América Latina que apoiam o aborto incondicional nas primeiras semanas de gravidez. A nação vizinha ao Brasil também se torna o 67º país no mundo a legalizar o aborto.
 

FOTO EMILIANO LASALVIA/AFP/JC