Porto Alegre, terça-feira, 28 de julho de 2020.
Dia do Agricultor .

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
terça-feira, 28 de julho de 2020.

Galeria de imagens

Celulares apreendidos com presos serão doados a alunos de escolas públicas no Rio Grande do Sul

Em meio ao desafio de que estudantes de escolas públicas possam estudar de forma remota, uma iniciativa no Litoral Norte gaúcho vai ampliar as ferramentas para o aprendizado em meio à pandemia do novo coronavírus. Escolas públicas e privadas de todos os níveis estão sem aulas presenciais desde março e sem previsão de retorno. O Ministério Público do RS (MP-RS) decidiu doar 120 telefones celulares apreendidos na Penitenciária Modulada Estadual de Osório para escolas. É o Projeto Alquimia II, desenvolvido pelos promotores de Justiça Criminal e Regional de Educação de Osório, Fernando Andrade Alves e Cristiane Della Méa Corrales, e que conta com a parceria da Polícia Civil, Judiciário e sociedade civil organizada. Os aparelhos estão sendo restaurados pelo Projeto Social Dejone Rambor, de Tramandaí. Também serão investidos até R$ 5,6 mil da conta das penas alternativas para o conserto e compra dos chips com internet. Os celulares devem ser destinados a escolas em Osório, Maquiné e Tramandaí. 
 

FOTO MPRS/DIVULGAÇÃO/JC