Porto Alegre, terça-feira, 23 de novembro de 2021.
Porto Alegre,
terça-feira, 23 de novembro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Tênis de Mesa

- Publicada em 23/11/2021 às 16h13min.

Hugo Calderano alcança histórico 4º lugar no ranking antes do Mundial de tênis de mesa

Calderano conquistou, em setembro, o título de uma das principais etapas do Circuito Mundial de tênis de mesa

Calderano conquistou, em setembro, o título de uma das principais etapas do Circuito Mundial de tênis de mesa


ITTF/DIVULGAÇÃO/JC
Hugo Calderano segue fazendo história no tênis de mesa brasileiro. O carioca foi promovido, nesta terça-feira (23), ao quarto lugar no ranking da Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF). É a primeira vez que um brasileiro chega ao Top 4. O feito também é raro no continente americano. O último a constar nessa posição foi o norte-americano Sol Schiff, há 83 anos.
Hugo Calderano segue fazendo história no tênis de mesa brasileiro. O carioca foi promovido, nesta terça-feira (23), ao quarto lugar no ranking da Federação Internacional de Tênis de Mesa (ITTF). É a primeira vez que um brasileiro chega ao Top 4. O feito também é raro no continente americano. O último a constar nessa posição foi o norte-americano Sol Schiff, há 83 anos.
Nos Jogos de Tóquio, Calderano também chegou a uma fase inédita para o País, caindo nas quartas de final, diante do alemão Dimitrij Ovtcharov. No fim de setembro, o mesa-tenista brasileiro foi apresentado no clube russo Fakel Gazprom Orenburg e traçou como objetivo disputar torneios na China para competir com os principais nomes da modalidade. Colecionador de feitos históricos, o carioca havia conquistado, no mesmo mês, o título de uma das principais etapas do Circuito Mundial e, na última semana, venceu o Pan-Americano.
Os países asiáticos costumam dominar o tênis de mesa. China e Coreia do Sul são grandes expoentes e sempre estão lutando pelo lugar mais alto do pódio. No ranking atualizado, três chineses aparecem na ponta à frente de Calderano: Fan Zhendong, Ma Long e Xu Xin.

Campeonato Mundial acontece nos EUA

A partir desta quarta-feira (24), um novo desafio se estabelece para Hugo Calderano. Em Houston, nos Estados Unidos, será disputado o Campeonato Mundial de tênis de mesa. O carioca tem como objetivo superar a fase de oitavas de final, onde foi eliminado na edição passada (Hungria, em 2019). Diante dos últimos resultados e da invencibilidade sustentada desde Tóquio, é possível crer em pódio para o brasileiro.
Cabeça de chave número 3 no torneio no Texas, Calderano não precisará disputar a primeira rodada e entrará diretamente na segunda fase. O brasileiro espera pelo vencedor do duelo entre João Monteiro, de Portugal, e Brian Afanador, de Porto Rico. O primeiro grande desafio está previsto para as oitavas de final, quando deve encarar o sul-coreano Jang Woo-jin, o qual o brasileiro enfrentou e venceu na última Olimpíada. 

Brasileiros no ranking mundial 

Outros brasileiros que estarão em ação em Houston conheceram seus novos ranqueamentos nesta quarta-feira (24). Gustavo Tsuboi se manteve na 38ª posição. Vitor Ishiy é o 55º, ganhando oito posições em comparação com o último ranking. Caminho semelhante fez Eric Jouti, que saltou para 83ª posição, deixando o 92º lugar para o compatriota Thiago Monteiro.
Por estarem em posições menos prestigiadas no ranking, eles começam suas trajetórias no Campeonato Mundial já nesta terça-feira. Thiago Monteiro enfrenta Nikhil Kumar, um dos representantes do país-sede. Vitor Ishiy duela com o chileno Juan Lamadrid, enquanto Gustavo Tsuboi encara Olajide Omotayo, da Nigéria. Eric Jouti está na mesma chave de Calderano e joga na primeira fase com o húngaro Tamás Lakatos.
Conteúdo Publicitário
Comentários CORRIGIR TEXTO