Porto Alegre, segunda-feira, 13 de setembro de 2021.
Porto Alegre,
segunda-feira, 13 de setembro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Basquete

- Publicada em 17h01min, 13/09/2021.

Aleksandar Petrovic não é mais técnico da seleção de basquete do Brasil, anuncia CBB

No comando da equipe, Petrovic ficou em 13º lugar no Mundial

No comando da equipe, Petrovic ficou em 13º lugar no Mundial


FIBA/DIVULGAÇÃO/JC
A Confederação Brasileira de Basketball (CBB) anunciou nesta segunda-feira (13) que Aleksandar Petrovic não é mais técnico da seleção brasileira masculina. Há dois meses, o croata assumiu o Pesaro, da Itália, e neste momento, após reflexão, definiu por seguir exclusivamente com a equipe italiana, uma decisão respeitada pela entidade diante de um comandante que, segundo a CBB, sempre se entregou completamente ao cargo.
A Confederação Brasileira de Basketball (CBB) anunciou nesta segunda-feira (13) que Aleksandar Petrovic não é mais técnico da seleção brasileira masculina. Há dois meses, o croata assumiu o Pesaro, da Itália, e neste momento, após reflexão, definiu por seguir exclusivamente com a equipe italiana, uma decisão respeitada pela entidade diante de um comandante que, segundo a CBB, sempre se entregou completamente ao cargo.
Petrovic chegou ao comando do Brasil em 2017, junto da gestão Guy Peixoto Jr., e nos últimos quatro anos realizou um trabalho importante, em meio a um processo de renovação. Em 33 jogos neste período, o comandante venceu 26, classificando o Brasil para o Mundial de 2019, na China, e chegando na decisão do Pré-Olímpico de Split, na Croácia, em julho.
No comando da equipe, Petrovic ficou em 13º lugar no Mundial, competição na qual a seleção conseguiu uma histórica vitória contra a Grécia, mas acabou eliminada após derrotas para a República Tcheca e Estados Unidos. No Pré-Olímpico, acabou ficando sem a vaga para Tóquio 2020 após ser derrotado na final pela Alemanha.
"Como presidente da CBB, só posso agradecer ao Petrovic por esses anos importantíssimos dele aqui. Petrovic teve mão firme quando necessário e foi um pai para muitos atletas quando preciso. Foi fundamental em um momento de mudança de geração, de chegada de jovens para a seleção brasileira, e, podemos dizer, teve participação na afirmação de vários deles, que certamente estarão por anos e anos na seleção", afirmou Guy Peixoto Jr..
Na mesma nota oficial, a CBB informou que trabalha agora para substituir Petrovic à altura, com planejamento, e sempre buscando trabalhos de médio e longo prazo, com foco não apenas nos Jogos Olímpicos de Paris 2024, na França, mas também em Los Angeles 2028, nos Estados Unidos, e na integração com as categorias de base.
Comentários CORRIGIR TEXTO
Conteúdo Publicitário