Porto Alegre, sexta-feira, 19 de fevereiro de 2021.
Dia do Esportista.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sexta-feira, 19 de fevereiro de 2021.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Tênis

- Publicada em 16h56min, 19/02/2021.

Medvedev bate Tsitsipas e desafia Djokovic na final do Aberto da Austrália

Medvedev chegou à final ao conquistar a 20ª vitória seguida

Medvedev chegou à final ao conquistar a 20ª vitória seguida


Brandon MALONE/AFP/JC
Atual número 1 do mundo e em busca no nono título em Melbourne, Novak Djokovic terá muito trabalho neste domingo (21) na decisão do Aberto da Austrália. Nesta sexta-feira (19), na segunda semifinal do primeiro Grand Slam da temporada, o sérvio conheceu o seu adversário, que será o russo Daniil Medvedev. O quarto colocado do ranking da ATP deu continuidade à sua incrível série de vitórias, que agora chegou a 20, ao fazer 3 sets a 0 no grego Stefanos Tsitsipas, sexto do mundo, com as parciais de 6/4, 6/2 e 7/5, em 2 horas e 9 minutos.
Atual número 1 do mundo e em busca no nono título em Melbourne, Novak Djokovic terá muito trabalho neste domingo (21) na decisão do Aberto da Austrália. Nesta sexta-feira (19), na segunda semifinal do primeiro Grand Slam da temporada, o sérvio conheceu o seu adversário, que será o russo Daniil Medvedev. O quarto colocado do ranking da ATP deu continuidade à sua incrível série de vitórias, que agora chegou a 20, ao fazer 3 sets a 0 no grego Stefanos Tsitsipas, sexto do mundo, com as parciais de 6/4, 6/2 e 7/5, em 2 horas e 9 minutos.
Aos 25 anos, Medvedev atinge a segunda final de Grand Slam da carreira. Depois de ter ficado com o vice no US Open de 2019, superado pelo espanhol Rafael Nadal em cinco sets, ele busca o primeiro título em torneios deste nível. Contra Djokovic, o russo tem um retrospecto desfavorável de duas vitórias e três derrotas. O sérvio de 33 anos tem 17 títulos de Grand Slam.
A série de vitórias de Medvedev começou no Masters 1000 de Paris, na França, no ano passado. Depois foi campeão do ATP Finals, em Londres. Já no início de 2021, ajudou a Rússia a ser campeã da ATP Cup em Melbourne, na semana anterior à disputa do Aberto da Austrália. Das 20 vitórias em sequência, 12 foram contra adversários que estão no Top 10 do ranking.
Com a campanha em Melbourne, já é certo que Medvedev vai assumir a terceira posição do ranking na semana que vem, pois ultrapassará o austríaco Dominic Thiem. E se for campeão, chegará à vice-liderança, deixando Nadal para trás. Já Tsitsipas, de 22 anos, iguala o melhor ranking da carreira ao ocupar o quinto lugar a partir de segunda-feira.
Medvedev terminou a partida com 17 aces e contra apenas três de Tsitsipas. O russo liderou com folga a estatística de winners por 46 a 19 e cometeu apenas 21 erros não-forçados contra 30 do grego. Além disso, conseguiu cinco quebras de saque em nove oportunidades e perdeu apenas um game de saque, tendo enfrentado apenas três break points no jogo inteiro.
Comentários CORRIGIR TEXTO