Porto Alegre, segunda-feira, 09 de novembro de 2020.
Dia do Hoteleiro.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
segunda-feira, 09 de novembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

tênis

- Publicada em 08h22min, 09/11/2020.

Título em Paris faz Daniil Medvedev ultrapassar Roger Federer no ranking da ATP

O título do Masters 1000 de Paris no domingo proporcionou ao tenista Daniil Medvedev a conquista do quarto lugar no ranking da ATP (Associação dos Tenistas Profissionais), revelado nesta segunda-feira. O russo aparece com 6.970 pontos, à frente do suíço Roger Federer (6.630). Esta foi a única alteração entre os dez primeiros colocados, cuja liderança é do sérvio Novak Djokovic (11.830), seguido pelo espanhol Rafael Nadal (9.850) e pelo austríaco Dominic Thiem (9.125).
O título do Masters 1000 de Paris no domingo proporcionou ao tenista Daniil Medvedev a conquista do quarto lugar no ranking da ATP (Associação dos Tenistas Profissionais), revelado nesta segunda-feira. O russo aparece com 6.970 pontos, à frente do suíço Roger Federer (6.630). Esta foi a única alteração entre os dez primeiros colocados, cuja liderança é do sérvio Novak Djokovic (11.830), seguido pelo espanhol Rafael Nadal (9.850) e pelo austríaco Dominic Thiem (9.125).
O canadense Milos Raonic pulou três posições e agora é o 14º colocado na lista (2.580), ultrapassando o belga David Goffin (2.555), o espanhol Pablo Carreno Busta (2.535) e o italiano Fabio Fognini (2.400). Thiago Monteiro é o único brasileiro entre os 100 primeiros colocados, ao surgir em 84º lugar, com 804 pontos. Ele caiu quatro posições em relação ao ranking da semana passada.
O outro brasileiro na lista é Thiago Seyboth Wild, número 113 do mundo, com 586 pontos. João Menezes ocupa o 202º lugar (305 pontos), Guilherme Clezar é o 268º (203) e Thomaz Bellucci o 297º (152).
Confira a lista dos dez primeiros colocados:
1) Novak Djokovic (Sérvia) - 11.830 pontos
2) Rafael Nadal (Espanha) - 9.850
3) Dominic Thiem (Áustria) - 9.125
4) Daniil Medvedev (Rússia) - 6.970
5) Roger Federer (Suíça) - 6.630
6) Stephano Tsitispas (Grécia) - 5.925
7) Alexander Zverev (Alemanha) - 5.525
8) Andrey Rublev (Rússia) - 3.919
9) Diego Schwartzman (Argentina) - 3.455
10)Matteo Berrettini (Itália) - 3.075
Agência Estado
Comentários CORRIGIR TEXTO