Porto Alegre, terça-feira, 27 de outubro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
terça-feira, 27 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Grêmio

- Publicada em 20h51min, 26/10/2020.

Argentino Diego Churín chega como opção ao ataque do Grêmio

Argentino de 30 anos assinou com o Tricolor por duas temporadas

Argentino de 30 anos assinou com o Tricolor por duas temporadas


LUCAS UEBEL/GRÊMIO FBPA/JC
Dentro das possibilidades que o mercado oferecia, a chegada de Diego Churín é uma boa opção para o técnico Renato Portaluppi. O atacante de 30 anos foi apresentado nesta segunda-feira (26) e deve ficar à disposição para a partida de quinta-feira (29), contra o Juventude, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, em Caxias do Sul.
Dentro das possibilidades que o mercado oferecia, a chegada de Diego Churín é uma boa opção para o técnico Renato Portaluppi. O atacante de 30 anos foi apresentado nesta segunda-feira (26) e deve ficar à disposição para a partida de quinta-feira (29), contra o Juventude, pelo jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil, em Caxias do Sul.
O ex-jogador do Cerro Porteño, do Paraguai, assinou contrato de dois anos, com a possibilidade de renovação por mais uma temporada. Questionado sobre a disputa pela titularidade, Churín reconheceu o artilheiro gremista na temporada. "Com certeza é o maior desafio da minha carreira. Eu sei que Diego (Souza) é o goleador da equipe, mas venho pra colaborar", prometeu o argentino.
Natural de Arroyo Dulce, cidade distante 215 quilômetros de Buenos Aires, Diego Churín Puyo surgiu para o futebol nas categorias de base do Independiente, onde se profissionalizou em 2008. Na sequência, o atleta teve passagens por Platense, Los Andes e Comunicaciones, antes de retornar ao Independiente.
Foi ter carreira no Chile, onde atuou por Curicó Unido, Universidad de Concepción e Unión Española, até acertar com os paraguaios do Cerro Porteño em 2017. Foi campeão da Copa do Chile pelo Concepción na temporada 2014/2015 e conquistou o bicampeonato paraguaio pelo Cerro, com o título do Clausura de 2017 (sendo o artilheiro da competição) e o Apertura deste ano. Pelo clube de Assunção, disputou 128 jogos e marcou 53 gols.
Churín falou que buscou informações sobre o clube com jogadores que passaram pelo Tricolor, além, claro, de conhecer a história recente e passada da camisa que irá vestir. "Gosto muito da Libertadores, e o Grêmio foi campeão recentemente. Conversei com o Arce antes de vir pra cá. Tomara que eu consiga estar à altura deste clube", relevou o atacante.
Agora, o jurídico gremista corre contra o tempo para dar condições legais para que Churín tenha condições de atuar na quinta-feira. Quem não poderá atuar é o meia Robinho e o atacante Luis Fernando, pois ambos já disputaram o torneio por outras equipes.
Comentários CORRIGIR TEXTO