Porto Alegre, quarta-feira, 07 de outubro de 2020.
Dia do Compositor.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quarta-feira, 07 de outubro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

basquete

- Publicada em 08h34min, 07/10/2020.

Lakers vencem Heat, fazem 3 a 1 e ficam a um triunfo do título da NBA

Lakers, de Anthony Davis, pode ser campeão pela 17ª vez na sexta

Lakers, de Anthony Davis, pode ser campeão pela 17ª vez na sexta


Kevin C. Cox/GETTY IMAGES NORTH AMERICA/Getty Images via AFP/JC
O Los Angeles Lakers está a uma vitória de conquistar o título da temporada 2019/2020 da NBA. Na noite desta terça-feira, abriu 3 a 1 na decisão com o Miami Heat ao derrotá-lo por 102 a 96, em um jogo muito equilibrado, no complexo da Disney na Flórida, onde o campeonato foi retomado após a paralisação provocada pela pandemia do coronavírus.
O Los Angeles Lakers está a uma vitória de conquistar o título da temporada 2019/2020 da NBA. Na noite desta terça-feira, abriu 3 a 1 na decisão com o Miami Heat ao derrotá-lo por 102 a 96, em um jogo muito equilibrado, no complexo da Disney na Flórida, onde o campeonato foi retomado após a paralisação provocada pela pandemia do coronavírus.
LeBron James esteve próximo de conseguir um "triple-double", fechando a partida com 26 pontos, 12 rebotes e 8 assistências, tendo brilhado especialmente no segundo tempo. Anthony Davis somou 22 pontos e 9 rebotes, incluindo uma cesta de três na parte final do duelo e um toco decisivo, o seu quarto no confronto, sobre Jimmy Butler, coroando a sua boa partida defensiva. Já Kentavious Caldwell-Pope, com bom início e fim de jogo, fez 15 pontos.
No Heat, Butler foi o principal destaque, com 22 pontos, dez rebotes e nove assistências, ainda que sem repetir o brilho do Jogo 3, quando conduziu a equipe de Miami ao triunfo. O novato Tyler Herro, que oscilou durante a partida, mas se destacou no último período, fez 21 pontos e ainda capturou sete rebotes. O quinto jogo da série está marcado para sexta-feira, a partir das 22 horas (de Brasília). Os Lakers ganharam o primeiro (116 a 98) e o segundo confrontos (124 a 114), com o Heat reagindo no terceiro (115 a 104), mas voltando a cair no quarto.
Se os Lakers vencer na sexta-feira, conquistarão o 17º título da NBA, se igualando ao Boston Celtics como maior vencedor da liga. Em caso de derrota, terá novas chances no domingo e, eventualmente, na próxima terça-feira.
O JOGO - O Miami teve o retorno de um dos seus titulares após dois jogos fora, Bam Adebayo, embora Goran Dragic tenha continuado de fora, ainda em recuperação de lesão. Só que os Lakers começaram melhor o primeiro quarto, marcado pela postura agressiva das defesas. E apesar de Jimmy Butler ter feito 11 pontos, não conseguiu impedir que o time de Los Angeles fechasse o período na frente, por 27 a 21, com dez pontos de Kentavious Caldwell-Pope.
Mas o Heat voltou melhor no segundo quarto. Com o domínio de Adebayo do garrafão, teve uma sequência de 13 a 2, abrindo 34 a 29. Parecia que deslancharia, mas os times passaram a cometer muitos erros. Os Lakers se aproximaram graças ao bom desempenho dos seus reservas e conseguiram a virada no placar, indo ao intervalo ganhando por 49 a 47.
Esse equilíbrio voltou a se repetir no terceiro quarto, ainda que com quase sempre os Lakers à frente no placar. E o seu diferencial passou a ser sua dupla de astros. Ambos fecharam o período como cestinhas, com 17 pontos, além de oito rebotes de Davis e cinco assistências de LeBron. LeBron, aliás, colocou o time em vantagem de 55 a 54 a 8min18 do fim do terceiro período com uma cesta de três. E nunca mais a equipe perderia essa dianteira.
Foi, assim, que os Lakers começaram o quarto final vencendo por 75 a 70. Só que o Heat não dava qualquer conforto ao time da Califórnia, tendo chegado a empatar o placar em 83 a 83. Foi aí que LeBron buscou chamar a responsabilidade. Fez os sete pontos seguintes da sua equipe, que tinha alguma vantagem nos rebotes.
Com cinco pontos consecutivos de Kentavious Caldwell-Pope, o time abriu 95 a 88 a 2min00 do fim, deixando os Lakers perto do triunfo. E ela se confirmaria com uma cesta de três e um toco de Davis n minuto final, levando a equipe de Los Angeles ao triunfo por 102 a 96. Agora, então, os Lakers têm três chances para conquistar novamente o título da NBA. E a primeira delas será na sexta-feira.
Agência Estado
Comentários CORRIGIR TEXTO