Porto Alegre, quinta-feira, 24 de setembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 24 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

FUTEBOL

- Publicada em 18h42min, 24/09/2020. Atualizada em 18h56min, 24/09/2020.

Eduardo Leite diz que não há perspectiva de volta das torcidas aos estádios

Partidas de futebol seguirão sem audiência nos estádios do Rio Grande do Sul

Partidas de futebol seguirão sem audiência nos estádios do Rio Grande do Sul


LUCAS UEBEL/GRÊMIO FBPA/DIVULGAÇÃO/JC
Não está nos planos do Executivo gaúcho liberar tão cedo o retorno das torcidas aos estádios de futebol. Nesta quinta-feira (24), um dia após o Gre-Nal da Libertadores sem público no Beira-Rio, o governador Eduardo Leite disse que não há perspectiva de permitir a presença de público nos jogos a curto prazo.
Não está nos planos do Executivo gaúcho liberar tão cedo o retorno das torcidas aos estádios de futebol. Nesta quinta-feira (24), um dia após o Gre-Nal da Libertadores sem público no Beira-Rio, o governador Eduardo Leite disse que não há perspectiva de permitir a presença de público nos jogos a curto prazo.
A exemplo de São Paulo, o Estado considera prematura a liberação de torcidas presenciais nos estádios de futebol, mesmo com a gradual melhora dos indicadores da Covid-19, para evitar aglomerações e possibilidade de aumento da disseminação do coronavírus.
"No Rio Grande do Sul nós não trabalhamos com a perspectiva de retorno de torcidas nos estádios, estamos conversando com promotores de eventos e shows e, naturalmente, a discussão dos protocolos para audiência em eventos pode vir a se desdobrar na presença de torcida nos estádios, mas é algo que a gente vê mais para a frente", comentou Leite durante live.
Na  quarta-feira (23), a prefeitura de Porto Alegre também havia descartado a retomada da torcida em jogos de futebol nos estádios.
Comentários CORRIGIR TEXTO