Porto Alegre, sábado, 12 de setembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
sábado, 12 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

fórmula 1

- Publicada em 14h48min, 12/09/2020. Atualizada em 14h55min, 12/09/2020.

Hamilton supera Bottas por 0s059 na Toscana e conquista 95ª pole na Fórmula 1

Hexacampeão mundial conquistou a pole para a primeira corrida no circuito de Mugello

Hexacampeão mundial conquistou a pole para a primeira corrida no circuito de Mugello


Luca Bruno/POOL/AFP/JC
Lewis Hamilton viu o companheiro de Mercedes, Valtteri Bottas, liderar todos os treinos livres para o GP da Toscana. No entanto, como de costume, o hexacampeão mundial foi dominante no momento mais importante, a sessão classificatória, e conquistou neste sábado a pole para a primeira corrida no circuito de Mugello na história da Fórmula 1.
Lewis Hamilton viu o companheiro de Mercedes, Valtteri Bottas, liderar todos os treinos livres para o GP da Toscana. No entanto, como de costume, o hexacampeão mundial foi dominante no momento mais importante, a sessão classificatória, e conquistou neste sábado a pole para a primeira corrida no circuito de Mugello na história da Fórmula 1.
Na primeira tentativa do Q3, Hamilton fez a melhor volta do fim de semana ao anotar o tempo de 1min15s144. Ele foi apenas 0s059 mais veloz que Bottas (1min15s203), que largará em segundo. O britânico conquistou a 95ª pole position na categoria e a sétima em nove possíveis nesta temporada, ampliando o seu domínio.
"Essa pista é fenomenal e desafiadora. Eu tenho trabalhado duro nos bastidores para melhorar o meu traçado de corrida e o acerto do carro. Finalmente consegui a volta que precisava", celebrou o líder do Mundial de Pilotos.
Um dos que têm tentado ameaçar o domínio das Mercedes nesta temporada, o holandês Max Verstappen, da Red Bull, terminou a sessão em terceiro, com o tempo de 1min15s509, 0s365 mais lento que o pole Hamilton. Ele terá que recuperar terreno depois de abandonar a última prova em Monza e perder a vice-liderança do campeonato para Bottas.
O tailandês Alexander Albon, da Red Bull, foi o quarto, seguido por Charles Leclerc. O monegasco salvou a Ferrari de um novo vexame na classificação para o milésimo GP da escuderia italiana na história da Fórmula 1. O alemão Sebastian Vettel, porém, não conseguiu se classificar para o Q3 mais uma vez e vai largar somente em 14º no grid.
Os dois pilotos da Racing Point ficaram na sexta e sétima posições, com Sergio Pérez à frente de Lance Stroll, mas as posições serão invertidas no grid por conta de uma punição ao mexicano referente a um incidente com Kimi Raikkonen no segundo treino livre, na sexta-feira.
A Renault colocou o australiano Daniel Ricciardo em oitavo e o francês Esteban Ocon em décimo. Entre eles ficou o espanhol Carlos Sainz Jr., da McLaren. Ocon, aliás, rodou na parte final do treino e provocou o encerramento precoce do Q3, atrapalhando vários pilotos que tentavam uma última volta rápida.
A largada para o GP da Toscana, no circuito de Mugello, a nona etapa da temporada 2020 da Fórmula 1, está prevista para as 10h10 deste domingo.
Confira o grid de largada do GP da Toscana:
  1. Lewis Hamilton (GBR/Mercedes) - 1min15s144
  2. Valtteri Bottas (FIN/Mercedes) - 1min15s203
  3. Max Verstappen (HOL/Red Bull) - 1min15s509
  4. Alexander Albon (TAI/Red Bull)- 1min15s954
  5. Charles Leclerc (MON/Ferrari - 1min16s270
  6. Lance Stroll (CAN/Racing Point) - 1min16s356
  7. Sergio Perez (MEX/Racing Point) - 1min16s311*
  8. Daniel Ricciardo (AUS/Renault) - 1min16s543
  9. Carlos Sainz (ESP/McLaren) - 1min17s870
  10. Esteban Ocon (FRA/Renault) - Sem tempo no Q3
  11. Lando Norris (GBR/McLaren) - 1min16s640
  12. Daniil Kvyat (RUS/Alphatauri) - 1min16s854
  13. Kimi Raikkonen (FIN/Alfa Romeo) - 1min16s854
  14. Sebastian Vettel (ALE/Ferrari) - 1min16s858
  15. Romain Grosjean (FRA/Haas) - 1min17s254
  16. Pierre Gasly (FRA/Alphatauri) - 1min17s125
  17. Antonio Giovinazzi (ITA/Alfa Romeo) - 1min17s220
  18. George Russell (GBR/Williams) - 1min17s232
  19. Nicholas Latifi (CAN/Williams) - 1min17s320
  20. Kevin Magnussen (DIN/Haas)- 1min17s348
*Punido com a perda de uma posição no grid
Agência Estado
Comentários CORRIGIR TEXTO