Porto Alegre, quinta-feira, 10 de setembro de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 10 de setembro de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Fórmula 1

- Publicada em 18h58min, 10/09/2020.

Racing Point anuncia Sebastian Vettel como piloto da Aston Martin em 2021

Tetracampeão mundial já havia anunciado sua saída da melancólica Ferrari

Tetracampeão mundial já havia anunciado sua saída da melancólica Ferrari


MIGUEL MEDINA/AFP PHOTO/JC
Está desfeito o mistério sobre o futuro do piloto alemão Sebastian Vettel na Fórmula 1. Nesta quinta-feira (10) foi anunciado que o tetracampeão mundial, de saída da Ferrari, vai correr a partir da temporada de 2021 pela Aston Martin, equipe que neste ano ainda tem a designação de Racing Point e luta contra a Red Bull para ser a segunda melhor do Mundial de 2020, só atrás da Mercedes.
Está desfeito o mistério sobre o futuro do piloto alemão Sebastian Vettel na Fórmula 1. Nesta quinta-feira (10) foi anunciado que o tetracampeão mundial, de saída da Ferrari, vai correr a partir da temporada de 2021 pela Aston Martin, equipe que neste ano ainda tem a designação de Racing Point e luta contra a Red Bull para ser a segunda melhor do Mundial de 2020, só atrás da Mercedes.
"Estou contente por poder finalmente partilhar essa empolgante notícia sobre o meu futuro", afirmou Vettel em um comunicado oficial. "Estou extremamente orgulhoso por dizer que vou me tornar um piloto Aston Martin em 2021. É uma nova aventura para mim, com uma marca lendária. Tenho ficado impressionado com os resultados que a equipe tem atingindo este ano e acredito que o futuro será ainda melhor", destacou.
"A energia e o compromisso demonstrados por Lawrence Stroll (dono da equipe) com este esporte me leva a acreditar que podemos construir algo muito especial juntos. Ainda amo a Fórmula 1 e minha única motivação é correr na frente do grid. Fazer isso pela Aston Martin será um grande privilégio", completou o alemão.
O futuro de Vettel, de 33 anos, estava em dúvida desde que o alemão tinha, ainda antes do início da atual temporada, em abril, ficado sabendo que não teria o seu contrato com a Ferrari renovado. Uma revelação que gerou uma série de mudanças no grid para 2021 com o espanhol Carlos Sainz Jr. ocupando a sua vaga na Ferrari ao lado do monegasco Charles Leclerc, com o australiano Daniel Ricciardo assinando com a McLaren, no lugar de Sainz, e o bicampeão mundial Fernando Alonso de volta à Renault.
A Racing Point já tinha anunciado na quarta-feira (9) que o piloto mexicano Sergio Pérez vai deixar a escuderia no final desta temporada, abrindo uma vaga para Vettel. Ele, que vai se juntar na equipe a Lance Stroll, corre há seis temporadas na Ferrari, mas não conseguiu chegar ao título com a escuderia italiana, que seria o seu quinto, depois dos Mundiais consecutivos com a Red Bull em 2010, 2011, 2012 e 2013.
Comentários CORRIGIR TEXTO