Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, segunda-feira, 13 de janeiro de 2020.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

basquete

Alterada em 13/01 às 09h49min

Depois de 26 jogos fora, Kyrie é cestinha e lidera Nets em triunfo

Jogador foi destaque na vitória contra Atlanta

Jogador foi destaque na vitória contra Atlanta


Nathaniel S. Butler / NBAE / Getty Images / AFP/ JC
Kyrie Irving voltou às quadras com vitória e sendo cestinha. Pela rodada de domingo da NBA, o astro marcou 21 pontos nos 20 minutos em que atuou após dois meses afastado por causa de uma lesão no ombro direito, liderando o Brooklyn Nets no triunfo por 108 a 86 sobre o Atlanta Hawks, em casa.
Kyrie Irving voltou às quadras com vitória e sendo cestinha. Pela rodada de domingo da NBA, o astro marcou 21 pontos nos 20 minutos em que atuou após dois meses afastado por causa de uma lesão no ombro direito, liderando o Brooklyn Nets no triunfo por 108 a 86 sobre o Atlanta Hawks, em casa.
Após ficar fora de 26 jogos, Irving converteu 10 de 11 arremessos de quadra, mostrando que o ombro e a pontaria parecem estar bem. Energizado por esse retorno, os Nets conquistaram o segundo triunfo seguido após sete derrotas consecutivas. O time é o sétimo colocado da Conferência Leste.
Cam Reddish marcou 20 pontos pelos Hawks, que não contaram com Trae Young pelo quarto duelo seguido por causa de uma lesão no tendão esquerdo. A equipe de Atlanta é a lanterna do Leste.
Embalado, o Utah Jazz ganhou a nona partida seguida ao superar o Washington Wizards por 127 a 116, fora de casa. Bojan Bogdonovic marcou 31 pontos e Rudy Gobert adicionou 21 pontos e 14 rebotes para o time de Salt Lake City, que chegou a ter uma desvantagem de 15 pontos no terceiro quarto. Foi também o 14º triunfo nos últimos 15 duelos do terceiro colocado do Oeste.
Jordan Clarkson fez 17 de seus 23 pontos no segundo tempo pelo Jazz, que não contou com o seu cestinha, Donovan Mitchell, doente. Bradley Beal marcou 25 pontos pelo Washington, que está na 12ª posição no Leste.
Após chegar a estar perdendo por 18 pontos de diferença, o San Antonio Spurs conseguiu uma virada para derrotar o Toronto Raptors por 105 a 104, no Canadá. No encontro com a sua última equipe, DeMar DeRozan marcou 25 pontos, além de ter somado oito rebotes e quatro assistências, e Rudy Gay fez 15 pelos Spurs, que ganharam três dos últimos quatro duelos e estão na nona posição no Oeste. Derrick White marcou 13 pontos e LaMarcus Aldridge anotou 11.
Serge Ibaka somou 21 pontos e 15 rebotes pelo Toronto, com Kyle Lowry tendo terminado o duelo com 16 pontos e 15 assistências pelo quarto colocado da Conferência Leste.
O Denver Nuggets bateu o Los Angeles Clippers com 20 pontos e 15 rebotes de Nikola Jokic, conseguindo superar a grande atuação de Kawhi Leonard, que fez 30 pontos. O Phoenix Suns superou o Charlotte Hornets, em casa, por 100 a 92, com 25 pontos e 15 rebotes de Kelly Oubre Jr. Dwayne Bacon marcou 24 pontos pelo Hornets.
Com 31 pontos e 19 rebotes de Jonas Valanciunas, o Memphis Grizzlies venceu o Golden State Warriors por 122 a 102. Sem pontuar, Bruno Caboclo atuou por dois minutos. D'Angelo Russel liderou os Warriors com 34 pontos. Já o New York Knicks bateu o Miami Heat por 124 a 121 com 26 pontos de Julius Randle e 23 de RJ Barrett.
Estadão Conteúdo
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia