Porto Alegre, quinta-feira, 23 de julho de 2020.

Jornal do Comércio

Porto Alegre,
quinta-feira, 23 de julho de 2020.
Corrigir texto

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Grêmio

- Publicada em 14h42min, 12/01/2020. Atualizada em 15h18min, 12/01/2020.

Renato Portaluppi tem alta e deixa hospital após procedimento no coração

Renato participou da apresentação no Grêmio e voltou ao Rio para fazer procedimento

Renato participou da apresentação no Grêmio e voltou ao Rio para fazer procedimento


LUCAS UEBEL/GRÊMIO/DIVULGAÇÃO/JC
O ídolo tricolor e técnico do Grêmio, Renato Portaluppi, deixou o hospital CopaStar, no Rio, neste domingo (12), um dia após ser submetido a um procedimento para corrigir o problema de arritmia cardíaca.
O ídolo tricolor e técnico do Grêmio, Renato Portaluppi, deixou o hospital CopaStar, no Rio, neste domingo (12), um dia após ser submetido a um procedimento para corrigir o problema de arritmia cardíaca.
{'nm_midia_inter_thumb1':'', 'id_midia_tipo':'2', 'id_tetag_galer':'', 'id_midia':'5c6f03d777ac4', 'cd_midia':8634598, 'ds_midia_link': 'https://www.jornaldocomercio.com/_midias/gif/2019/02/21/banner_whatsapp_280x50px_branco-8634598.gif', 'ds_midia': 'WhatsApp Conteúdo Link', 'ds_midia_credi': 'Thiago Machado / Arte JC', 'ds_midia_titlo': 'WhatsApp Conteúdo Link', 'cd_tetag': '1', 'cd_midia_w': '280', 'cd_midia_h': '50', 'align': 'Center'}
O técnico teve alta pela manhã e poderá retomar as atividades normais em uma semana, informou o cardiologista Leandro Zimerman, que acompanhou os cuidados prestados a Renato. O procedimento foi feito na manhã desse sábado,com duração de três horas. A técnica consiste em introduzir cateter para chegar ao coração e fazer cauterizações nas áreas onde há anormalidade nos batimentos. 
O cardiologista, que fez parte da equipe do Hospital Moinhos de Vento que fez o mesmo procedimento em Porto Alegre em janeiro de 2019, diz que o técnico estava se "sentindo muito bem e no ritmo normal" na manhã deste domingo. 
"Ele não precisa ficar em repouso, mas só tomar alguns cuidados, para voltar normalmente a todas as atividades em torno de uma semana", projetou Zimerman. 
Renato teve de passar pelo mesmo tipo de tratamento que fez no começo de 2019. Em exames de rotina em setembro do ano passado, foi identificado que a arritmia havia voltado. O ídolo gremista sofre de fibrilação atrial, que é muito comum em ex-atletas. 
Na quinta-feira passada (9), Renato veio a Porto Alegre para a apresentação do time para a temporada de 2020 no Centro de Treinamento (CT) Luiz Carvalho. Na sexta-feira (10), o treinador retornou ao Rio para no dia seguinte fazer a ablação. Agora ele tem dez dias de férias, antes de reassumir o comando do grupo.   
Comentários CORRIGIR TEXTO