Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quarta-feira, 18 de dezembro de 2019.
Dia Internacional do Migrante.

Jornal do Comércio

Esportes

CORRIGIR

mundial de clubes

Alterada em 18/12 às 03h00min

De virada, Flamengo bate o Al Hilal e está na decisão do Mundial

O Flamengo está na final do Mundial de Clubes. Os comandados de Jorge Jesus derrotaram o Al Hilal por 3 a 1, de virada, com os gols marcados na etapa final.

O Flamengo está na final do Mundial de Clubes. Os comandados de Jorge Jesus derrotaram o Al Hilal por 3 a 1, de virada, com os gols marcados na etapa final.

O adversário do Mengão na final será conhecido hoje, às 14h30min, no duelo entre Liverpool e Monterrey. E a expectativa é para um novo confronto com o time inglês, como ocorreu em 1981, na decisão do Mundial Interclubes, com vitória carioca por 3 a 0.

O início da partida em Doha foi ótimo para os sauditas. Logo aos 17 minutos, a chegada foi mortal. Giovinco acionou Al-Buryak na direita. Ele cruzou para Al-Dawsari que, no meio da área, livre, chutou, com a bola desviando em Marí e parando nas redes.

O intervalo fez bem para os cariocas e o Flamengo igualou o placar logo aos três minutos da etapa final. Em uma triangulação, Gabriel recebeu no meio e acionou Bruno Henrique em profundidade. Ele rolou para Arrascaeta, que só empurrou a bola para o gol.

A virada veio aos 32 minutos. Aproveitando os espaços dados pela defesa adversária, Diego acionou Rafinha, que cruzou para Bruno Henrique marcar de cabeça.

Com espaços, o Flamengo voltou a marcar aos 35. Dessa vez, Diego recebeu na entrada da área e tocou para Bruno Henrique na esquerda. Ele invadiu a área e fez o cruzamento, com Al-Bulayhi mandando contra as próprias redes.

CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia