Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, sexta-feira, 04 de outubro de 2019.
Dia do Barman e dia Mundial dos Animais.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Grêmio

04/10/2019 - 16h25min. Alterada em 04/10 às 16h25min

Everton renova com multa de R$ 535,4 milhões no Grêmio

Everton estará ligado ao time até final de 2023

Everton estará ligado ao time até final de 2023


LUCAS UEBEL/GRÊMIO FBPA/JC
Everton Cebolinha ganhou uma nova valorização. A renovação de contrato, anunciada no fim da manhã desta sexta (4), coloca o atacante entre os maiores salários do grupo do Grêmio. E a multa rescisória caminha no mesmo sentido, definida em 120 milhões de euros (R$ 535,4 milhões).
Everton Cebolinha ganhou uma nova valorização. A renovação de contrato, anunciada no fim da manhã desta sexta (4), coloca o atacante entre os maiores salários do grupo do Grêmio. E a multa rescisória caminha no mesmo sentido, definida em 120 milhões de euros (R$ 535,4 milhões).
A assinatura do novo vínculo ocorreu pela manhã. Acompanhado por Alisson, que também renovou pelo mesmo período, o Cebolinha celebrou a ligação ao clube até o fim de 2023. Em entrevista coletiva, ele não quis comentar o futuro e apenas agradeceu o apoio e a confiança.
"É um motivo de orgulho, inexplicável. Eu me identifico muito com clube, jogo aqui há sete anos. É fruto de um trabalho que tem sido plantado desde muito cedo, é muita felicidade", disse.
A valorização dele chegou após uma série de ofertas e sondagens do exterior. Reflexo do destaque pela seleção brasileira na conquista da Copa América e das boas atuações pelo Grêmio. "Procuro estar focado no Grêmio. Foi sempre assim. Passou a janela, não aconteceu de eu sair, nada se concretizou e até o final é cabeça no Grêmio, foco total", disse.
O futuro não foi assunto para o atacante. Segundo ele, o que for acontecer será definido com o passar do tempo.
"Eu não tenho projeção. O futuro pertence a Deus. Não sabemos o dia de amanhã. Eu fiquei muito feliz com a renovação e se ficar até 2023 vou honrar a camisa do Grêmio em todos os jogos", disse. "Em qualquer área, quem não gosta de ser valorizado? É fruto de um trabalho que plantamos há muito tempo, motivo de felicidade. Eu só tenho a agradecer pelo reconhecimento. É um clube com o qual me identifico muito e é uma honra poder vestir essa camisa e dar o melhor dentro de campo", finalizou.
O Grêmio encara o Corinthians neste sábado às 19h (de Brasília), em Porto Alegre.
Folhapress
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia