Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 06 de agosto de 2019.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Copa do Brasil

Edição impressa de 06/08/2019. Alterada em 06/08 às 03h00min

Inter faz mistério sobre escalação para enfrentar o Cruzeiro amanhã

Guerrero é peça fundamental no ataque colorado para encarar o Cruzeiro

Guerrero é peça fundamental no ataque colorado para encarar o Cruzeiro


RICARDO DUARTE/INTER/DIVULGAÇÃO/JC
O elenco do Inter fez mais um treino no Rio de Janeiro na manhã de ontem, no campo da Escola de Educação Física do Exército, na Urca. Foi o último trabalho do time na capital fluminense visando o duelo de ida das semifinais da Copa do Brasil, amanhã, às 21h30min, contra o Cruzeiro, no Mineirão.
O elenco do Inter fez mais um treino no Rio de Janeiro na manhã de ontem, no campo da Escola de Educação Física do Exército, na Urca. Foi o último trabalho do time na capital fluminense visando o duelo de ida das semifinais da Copa do Brasil, amanhã, às 21h30min, contra o Cruzeiro, no Mineirão.
As principais novidades da atividade foram as presenças do meio-campista Patrick e do atacante Nico López, que haviam sido preservados na atividade do domingo. A equipe comandada pelo técnico Odair Hellmann permaneceu no Rio depois de ter sido derrotada por 2 a 1 pelo Fluminense, no sábado, no Maracanã, quando o treinador escalou uma formação considerada reserva no confronto do Brasileirão e poupou os titulares para o embate em Belo Horizonte.
O Colorado não terá o meia D'Alessandro, suspenso por ter sido expulso no jogo de volta das quartas de final, contra o Palmeiras, no Beira-Rio, assim como não sabe se poderá contar com o volante Rodrigo Lindoso. O jogador se lesionou na semana passada na vitória por 2 a 0 sobre o Nacional, do Uruguai, quando a equipe garantiu classificação às quartas de final da Libertadores.
Hellmann fechou o treino de ontem e testou a possível formação para o jogo com a Raposa. Como sequer viajou ao Rio e ficou realizando seu processo de recuperação em Porto Alegre, Lindoso dificilmente começará o duelo ou será utilizado no Mineirão. Rithely aparece como opção.
A maior dúvida da escalação é saber quem será o substituto de D'Alessandro. Nonato seria uma opção provável para começar o jogo, mas Sarrafiore também briga pela vaga se o treinador optar por manter a formação com quatro homens de meio-campo. Já se escolher por um terceiro atacante, Rafael Sobis, Wellington Silva e Guilherme Parede são as suas alternativas para entrar no lugar do ídolo argentino.
Uma provável escalação pode ter Marcelo Lomba; Bruno, Rodrigo Moledo, Víctor Cuesta e Uendel; Rithely, Edenilson, Patrick e Nonato (Sarrafiore) e Nico López; Paolo Guerrero. O grupo ainda realiza uma última atividade na Cidade do Galo, o CT do Atlético-MG. A delegação desembarcou em Belo Horizonte no início da noite de ontem.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia