Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, quinta-feira, 18 de julho de 2019.

Jornal do Comércio

Esportes

CORRIGIR

Copa do Brasil

Edição impressa de 18/07/2019. Alterada em 18/07 às 03h00min

Grêmio vence o Bahia por 1 a 0 e carimba vaga nas semifinais

Alisson passou por dois marcadores para marcar o gol da vitória gremista

Alisson passou por dois marcadores para marcar o gol da vitória gremista


Lucas Uebe/Grêmio FBPA/DIVULGAÇÃO/JC

Grêmio e Copa do Brasil vivem uma longa história de amor. Ontem, mais um capítulo dessa história foi escrito. Após um empate em Porto Alegre por 1 a 1, o time gaúcho fez uma boa partida em Salvador, dominou as ações do início ao fim do confronto contra o Bahia, e voltou para Porto Alegre com a vitória por 1 a 0 e a vaga nas semifinais. Agora, o Tricolor tem o Athletico-PR pela frente, que passou pelo Flamengo após empate no tempo normal e vitória por 3 a 1 nos pênaltis.

O Grêmio apostou na troca de passes no campo de ataque, porém, não teve efetividade no domínio. O Bahia contou com uma defesa bem posicionada e com recomposição rápida atrás, evitando dar espaços para os gaúchos.

Assim, a primeira etapa foi de muita troca de passes e poucas chances de gol. A melhor oportunidade foi gremista: aos 42 minutos, Jean Pyerre se livrou da marcação e tocou para André. Na frente da área, o centroavante girou sobre o defensor e bateu no canto direito, mas Douglas Friedrich espalmou.

O Bahia voltou para o segundo tempo com mais ímpeto, mas não conseguiu criar chances de abrir o placar. Quem criou oportunidade foi o Grêmio. E não desperdiçou. Aos 18 minutos, Alisson recebeu pela direita da área, avançou, passou por dois marcadores e chutou de canhota, no canto esquerdo do goleiro, para marcar o gol gremista.

Oito minutos depois, aos 26 Alisson se caminhava para marcar o segundo, após arrancada em velocidade, mas foi derrubado por Moisés. O árbitro, inicialmente, assinalou pênalti para os gaúchos, mas, após consultar o VAR, reviu sua decisão, marcou falta fora da área e expulsando o jogador do time da casa. O árbitro voltou a consultar o VAR em outro lance, após a bola tocar no braço de Nino Paraíba dentro da área, mas nada marcou.

Com um a mais em campo, o Grêmio tratou de controlar a bola, gastando o tempo, enquanto o Bahia não teve forças para fazer uma pressão final em busca do empate.

Ao fim, a vitória por 1 a 0 (a centésima do time na competição em 180 jogos) deu a vaga para o Grêmio nas semifinais - é a 14ª vez que o clube chega entre os quatro melhores em 31 edições do torneio.

CORRIGIR
Seja o primeiro a comentar esta notícia