Comentar

Seu comentário está sujeito a moderação. Não serão aceitos comentários com ofensas pessoais, bem como usar o espaço para divulgar produtos, sites e serviços. Para sua segurança serão bloqueados comentários com números de telefone e e-mail.

500 caracteres restantes
Corrigir

Se você encontrou algum erro nesta notícia, por favor preencha o formulário abaixo e clique em enviar. Este formulário destina-se somente à comunicação de erros.

Porto Alegre, terça-feira, 14 de maio de 2019.

Jornal do Comércio

Esportes

COMENTAR | CORRIGIR

Inter

Edição impressa de 14/05/2019. Alterada em 14/05 às 03h00min

Dourado pode voltar só depois da Copa América

Domingo, na vitória do Inter sobre o Cruzeiro por 3 a 1, Rodrigo Dourado não ficou de fora apenas para ser poupado. O problema no joelho esquerdo do capitão da equipe deverá ser avaliado novamente pelo departamento médico. Foram exatamente as dores no local que barraram a participação do jogador pelo Brasileirão. A entorse ocorreu no início de abril na partida diante dos chilenos do Palestino, pela Libertadores da América. As dores retornaram no empate com o River Plate, na Argentina.
A partir das novas dores no joelho, o departamento de futebol deve aproveitar o período pré-Copa América e os jogos que antecedem a competição para intensificar um trabalho para recuperar o volante. A ideia é que ele esteja pronto para voltar nas oitavas de final da Libertadores, no segundo semestre.
"Queremos o Rodrigo na melhor forma possível. Estamos conversando e vamos sentar para tomar uma decisão para ele e para o time. Ele está fazendo um esforço tremendo, fora do normal para jogar, mas a falta de treinos e as dificuldades pós-jogos precisam ser avaliadas", disse o técnico Odair Hellmann. O Colorado folgou ontem e retoma os trabalhos hoje, quando inicia a preparação para o confronto com o CSA.
 
COMENTAR | CORRIGIR
Comentários
Seja o primeiro a comentar esta notícia